Imprensa Rio Claro SP Livro Vivo completa quatro anos | Imprensa da Prefeitura de Rio Claro – SP

Últimas Notícias de Rio Claro
sexta-feira, 17 de agosto de 2018.

Arquivo Mensal

Livro Vivo completa quatro anos

O Programa de Incentivo à Leitura e a Cidadania Livro Vivo comemorou na terça-feira (28) quatro anos de atividades. Desde a inauguração do projeto, a Fundação Municipal Ulysses Guimarães trabalha permanentemente o acesso gratuito à leitura.  O projeto conta com sete postos distribuídos pela cidade, que emprestam à população rio-clarense livros sem custos e burocracia.

“Nestes quatro anos de funcionamento, os exemplos de participação cidadã voluntária são inúmeros e mostram a capacidade que a população local tem, em parceria com a Fundação Ulysses, de gerir políticas públicas no dia a dia do município”, observa Ruy Pignataro Fina, presidente da fundação. “O objetivo deste projeto é o lazer, a cultura e a cidadania de forma plena e organizada, com baixíssimo custo ao erário público, fomentando a participação das novas gerações com importantes valores democráticos de participação e inclusão social”, ressalta Pablo Fonseca, diretor da fundação.

Com um acervo circulante de 10.000 livros, disponibilizados em 40 estantes, o programa atende à comunidade em várias regiões, incentivando a leitura e alcançando milhares de pessoas.  A estimativa é de que diariamente cerca de 100 pessoas sejam beneficiadas, direta ou indiretamente pelo projeto e este número continua crescendo.

Só no posto da antiga estação ferroviária, na região central da cidade, são 300 novos leitores por mês, de um total de quase mil novos usuários mensais. A popularidade do Livro Vivo também alcança as redes sociais: 1.861 amigos utilizam o Facebook “Livro Vivo Rio Claro”.

Gerenciado pela Fundação Pública Municipal de Rio Claro Ulysses Silveira Guimarães, o Livro Vivo responde a uma demanda crescente de democratização do acesso à cultura, incentivando a doação de livros.  O posto da antiga estação ferroviária recebe doações diariamente, ação que alimenta o acervo do projeto. Os livros recebidos são pré selecionados, identificados e colocados em prateleiras para livre escolha da população, sem os trâmites burocráticos de uma biblioteca convencional.

No Livro Vivo qualquer cidadão pode escolher livremente o livro de sua preferência. Basta retirar o livro em um dos pólos e devolver quando terminar a leitura, sem prazo pré-estabelecido. A idéia é estimular a cidadania e a responsabilidade social pelo voluntariado e solidariedade, já que o programa recebe doações.

Os postos do projeto funcionam na antiga estação ferroviária; quadra poliesportiva do Jardim Panorama; Centro de Atividades “Ulysses Guimarães”, em Ajapi; Projeto Despertai, no bairro Santa Elisa; paço municipal; Centro Comunitário Beija-Flor, no Cervezão; e Associação de Moradores, no Bonsucesso.



astropay bozum
Imprensa Rio Claro SP