Imprensa Rio Claro SP Prefeitura conclui obras de reforma em prédio da Escola Marrote | Imprensa da Prefeitura de Rio Claro – SP

Últimas Notícias de Rio Claro
sexta-feira, 19 de outubro de 2018.

Arquivo Mensal

Prefeitura conclui obras de reforma em prédio da Escola Marrote

As obras de reforma em um dos prédios da Escola Municipal Antonio Maria Marrote, no Bairro do Estádio, foram concluídas nesta semana. A construtora encerrou os trabalhos iniciados em abril após um ano de interdição do imóvel devido a problemas na estrutura. Com a conclusão das obras, a mudança dos móveis e equipamentos será realizada em janeiro.

“Os alunos já poderão utilizar as salas de aula a partir de 5 de fevereiro, quando começa o ano letivo na rede municipal de ensino”, anuncia o secretário da Educação, Adriano Moreira, que na terça-feira (26) acompanhou a finalização dos serviços junto com a diretora do Departamento Administrativo da Secretaria da Educação, Mônica Christofoletti, e da engenheira Monique Neiva. A inauguração das novas instalações está marcada para o dia 1º de março.

A prefeitura investiu R$ 738 mil na reforma do prédio. Além da reforma das sete salas de aula e da brinquedoteca, o prédio recebeu telhado novo. As telhas comuns foram substituídas por telhas sanduíche que são termoacústicas e possuem propriedades que isolam a temperatura e o som. O espaço externo recebeu sistema de drenagem para evitar alagamentos em períodos de chuva e um novo portão para facilitar a entrada e saída das crianças.

“As crianças terão um espaço novo e com estrutura adequada para o desenvolvimento das atividades escolares”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, lembrando que o imóvel foi interditado com pouco tempo de uso, apenas quatro anos após a inauguração. “Cumprimos nosso compromisso com a comunidade de recuperar o prédio e evitar mais desperdício de dinheiro público”, afirma.

O imóvel foi inaugurado em 18 de abril de 2012 em administração anterior e, em abril de 2016, também em governo passado, foi interditado por causa de problemas estruturais. Algumas crianças foram remanejadas para o outro prédio que fica dentro da escola e outras para o Centro Social Urbano (CSU) localizado no mesmo bairro. A partir de 5 de fevereiro os alunos voltarão a ser atendidos no prédio reformado que tem capacidade para atender 350 crianças em dois períodos.



astropay bozum
Imprensa Rio Claro SP