Guias de pagamento de ISS Fixo e taxas de licença estão no site da prefeitura

Vencimento será no dia 20 de maio.

Comerciantes e prestadores de serviços de Rio Claro já podem pagar as taxas de licença de 2020. A prefeitura disponibiliza o link para imprimir as guias de pagamento desses tributos no site www.rioclaro.sp.gov.br .

O prazo para pagamento de parcela única ou primeira parcela do ISS Fixo, taxa de licença de funcionamento e taxa de lixo contaminado vence no dia 20 de maio.

Os valores de cada tributo levam em consideração diferentes fatores. O pagamento é anual.

A prefeitura orienta os interessados a não deixarem para a última hora. O serviço pode ser acessado no site da prefeitura, na aba de Serviços, clicando no campo Tributos municipais, para que na sequência seja feita a opção necessária ao contribuinte.

Em abril prefeitura pagará novos salários com valores retroativos

Valores retroativos também incluirão o cartão alimentação, que em quatro anos subiu 75%.

Os servidores municipais de Rio Claro recebem no próximo mês cartão alimentação com aumento de 14% e salários com reajuste de 4,19%. O projeto de lei do prefeito João Teixeira Junior foi aprovado pela Câmara de Vereadores nesta semana e, como a data-base do funcionalismo municipal é 1º de fevereiro, os holerites de abril também incluirão diferença a mais relativa aos valores do mês passado.

É o quarto ano consecutivo em que a prefeitura reajuste os salários sem haver perdas salariais aos servidores. De 2017 até agora a inflação acumulada é de 15,38%. No mesmo período os funcionários públicos municipais tiveram aumento de 17,55%, ganho real de 2,17%. “Isso foi feito em um contexto de sérias dificuldades financeiras em todo o país e com os R$ 380 milhões de dívidas que encontramos quando iniciamos nossa administração, em 2017”, assinala o prefeito João Teixeira Junior. “É muito difícil e exige grandes esforços de nossa administração, mas nos comprometemos e vamos continuar valorizando os nossos servidores, que são peça essencial no atendimento à população”, acrescenta Juninho.

O prefeito reforça que, em outro exemplo de melhoria para os servidores, a prefeitura aumentou em quase 75% o valor do cartão alimentação, que foi de R$ 280,00 em 2016, na administração passada, para R$ 490,00 em 2020. O projeto aprovado pela Câmara Municipal neste ano elevou em quase 14%  o vale alimentação que era de R$ 430,00 desde o ano passado. A diferença retroativa a fevereiro no valor do cartão também será reposta até o mês que vem, conforme explica o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich.

Aumento real

Com relação aos salários, desde o início de 2017 a prefeitura tem mantido o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ou concedido valores acima da inflação, como em 2018, quando o reajuste foi de 5% contra inflação de 2,85%, e em 2019, com reajuste de 3,79% e inflação de 3,77%.

No caso do cartão alimentação a trajetória vem sendo sempre ascendente. Em 2016 o vale era de R$ 280,00 e subiu para R$ 310,00 (10,71%) em 2017, primeiro ano de governo da atual gestão municipal. Em 2018 o benefício aumentou para R$ 390,00, alta de 25,81%, e em 2019 para R$ 430,00, reajuste de 11,63%. Agora passou para R$ 490,00, com elevação de 13,95%, totalizando quase 75% em quatro anos.

Primeira parcela e cota única do IPTU vencem nesta terça-feira

É a última chance de conseguir 10% de desconto na cota única.

Termina nesta terça-feira (10) o prazo para o pagamento com desconto da primeira parcela e parcela única do IPTU 2020 em Rio Claro. A cota única paga em dia vale 10% de abatimento no valor total do carnê. Já as parcelas pagas em dia recebem desconto de 3%. “Ainda é possível economizar no pagamento do IPTU, quem ainda não aproveitou tem esta terça-feira para aproveitar o abatimento de 10% na parcela única”, destaca o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich.

O imposto está sendo recebido na Caixa Federal e casas lotéricas, e quem for correntista também pode pagar nos caixas eletrônicos ou internet banking do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e na cooperativa de crédito Sicoob.

As guias de pagamento do IPTU deste ano estão à disposição dos contribuintes desde o início de janeiro, quando o município disponibilizou esse material no site da prefeitura. A administração municipal confeccionou quase 98 mil carnês para distribuição.

Primeira parcela e cota única do IPTU vencem na terça-feira

Pagamento em dia garante desconto ao contribuinte.

Termina na terça-feira (10) o prazo para o pagamento com desconto da primeira parcela e parcela única do IPTU 2020 em Rio Claro. A cota única paga em dia vale 10% de abatimento no valor total do carnê. Já as parcelas pagas em dia recebem desconto de 3%. “Quem quiser ainda pode aproveitar e pagar menos, mas é preciso ficar atento para não perder a data limite”, enfatiza o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich.

O imposto está sendo recebido na Caixa Federal e casas lotéricas, e quem for correntista também pode pagar nos caixas eletrônicos ou internet banking do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e na cooperativa de crédito Sicoob.

As guias de pagamento do IPTU deste ano estão à disposição dos contribuintes desde o início de janeiro, quando o município disponibilizou esse material no site da prefeitura. A administração municipal confeccionou quase 98 mil carnês para distribuição.

Primeira parcela e cota única do IPTU vencem dia 10 de março

Pagamento em dia garante desconto ao contribuinte.

Em Rio Claro, o prazo para pagamento da primeira parcela da cota única do IPTU 2020 e também da primeira parcela vence no dia 10 de março.  Até a data de vencimento os contribuintes que pagarem à vista garantem 10% de abatimento no valor total do carnê. Já quem paga a prazo recebe 3% de desconto no valor de cada parcela paga em dia.

“Além de ficar em dia com os tributos, a população também economiza pagando no prazo”, observa Gilmar Dietrich, secretário municipal de Economia e Finanças, lembrando que a prefeitura prorrogou o prazo até 10 de março para possibilitar que mais pessoas realizem o pagamento antes do vencimento. No mês de março também vence a segunda parcela do IPTU.

O imposto está sendo recebido na Caixa Federal e casas lotéricas, e quem for correntista também pode pagar nos caixas eletrônicos ou internet banking do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e na cooperativa de crédito Sicoob.

As guias de pagamento do IPTU deste ano estão à disposição dos contribuintes desde o início de janeiro, quando o município disponibilizou esse material no site da prefeitura. A administração municipal confeccionou quase 98 mil carnês para distribuição.

Prefeitura prorroga prazo do IPTU para 10 de março

Novo prazo vale para parcela única e primeira parcela.

A prefeitura de Rio Claro prorrogou o prazo para o pagamento da primeira parcela da cota única do IPTU 2020. O decreto assinado pelo prefeito João Teixeira Junior estabelece o novo prazo. Os contribuintes têm agora até o dia 10 de março para pagarem à vista com 10% de abatimento no valor total do carnê. Já quem paga a prazo recebe 3% de desconto no valor de cada parcela paga em dia.

“É uma chance a mais de a população pagar em dia o IPTU e ainda economizar”, resume o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich, lembrando que no mês de março também vence a segunda parcela do IPTU.

O imposto está sendo recebido na Caixa Federal e casas lotéricas, e quem for correntista também pode pagar nos caixas eletrônicos ou internet banking do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e na cooperativa de crédito Sicoob.

As guias de pagamento do IPTU deste ano estão à disposição dos contribuintes desde o início de janeiro, quando o município disponibilizou esse material no site da prefeitura. Além disso, a administração municipal confeccionou quase 98 mil carnês para distribuição.

Em Rio Claro, pagamento à vista do IPTU dá 10% de desconto

Quem opta por pagar parcelado e paga em dia tem 3% de desconto.

Conforme vem sendo divulgado desde o início do ano, a prefeitura de Rio Claro oferece desconto de 10% para quem quita o IPTU 2020 em cota única.

Os contribuintes também têm a opção de pagar o IPTU em 11 parcelas. Neste caso, a prefeitura concede desconto de 3% em cada parcela que for paga dentro do prazo.

Em nota divulgada na quarta-feira (19) houve um erro de digitação e o percentual de desconto para pagamento à vista saiu equivocadamente 20%, quando o correto é 10%. 

Parcela única e pedidos de isenção do IPTU terminam nesta 5ª-feira

Prazo para pagamento da primeira parcela também se encerra neste dia 20 de fevereiro.

Termina nesta quinta-feira (20) o prazo para pagamento da parcela única e primeira parcela do IPTU 2020 de Rio Claro. Este também é o último dia para fazer o pedido de isenção do tributo. Quem pagar a parcela única até este dia 20 tem 10% de desconto no valor total do carnê. Já as parcelas pagas em dia rendem 3% de abatimento em cada parcela.

As guias de pagamento do IPTU deste ano estão à disposição dos contribuintes desde o início de janeiro, quando o município disponibilizou esse material no site da prefeitura. Além disso, a administração municipal confeccionou quase 98 mil carnês para distribuição.

O imposto está sendo recebido na Caixa Federal e casas lotéricas, e quem for correntista também pode pagar nos caixas eletrônicos ou internet banking do Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e na cooperativa de crédito Sicoob.

Isenção

O direito à isenção do IPTU foi ampliado a partir deste ano para que, além de aposentados e pensionistas, pessoas a partir de 60 anos e pessoas com deficiência também não precisem pagar o imposto, desde que tenham apenas um imóvel e recebam até dois salários mínimos.

O Atende Fácil, onde são recebidos os pedidos de isenção do IPTU 2020, fica no paço municipal (Rua 3 entre avenidas 3 e 5, Centro), perto da entrada pela Avenida 3. O atendimento é de segunda a sexta-feira das 8 às 16 horas.

Podem pedir a isenção aposentados, pensionistas, segurados do INSS por meio do Benefício de Prestação Continuada assistencial ao idoso e a pessoa com deficiência, e pessoas a partir de 60 anos.

É preciso apresentar documentos pessoais do beneficiário e documento que comprove direito à isenção, como o extrato de benefício com valor mensal recebido. As pessoas com mais de 60 anos devem apresentar comprovante de renda. As pessoas com deficiência também devem apresentar atestado médico com a indicação do CID.

Sancionada em setembro do ano passado pelo prefeito João Teixeira Junior, a lei que amplia a isenção do IPTU foi aprovada pela Câmara Municipal a partir de projeto do presidente do Legislativo, André Godoy, e do vereador Julio Lopes.

Prefeitura fecha acordo coletivo com aumento de quase 14% no vale alimentação

Salários do funcionalismo serão reajustados conforme a inflação medida pelo IPCA.

A prefeitura de Rio Claro e o Sindicato dos Servidores Municipais fecharam o acordo coletivo para reajuste salarial do funcionalismo público municipal, cuja data-base é 1º de abril. O acordo coletivo de 2020 prevê aumento salarial pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), que ainda não tem índice final. Já o vale alimentação terá alta de 13,95%, passando de R$ 430,00 para R$ 490,00, com aumento acumulado de 74,99% nos últimos três anos.

O anúncio foi feito nesta sexta-feira (7) pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “Sempre primamos pelo diálogo e quando há entendimento entre sindicato, prefeitura e vereadores, quem ganha são os funcionários”, destaca Juninho. “As dificuldades financeiras são muitas, mas felizmente conseguimos oferecer quase 14% no vale alimentação, medida que vai beneficiar os servidores que mais precisam”, acrescenta.

Desde o início de 2017, a prefeitura tem mantido o IPCA ou concedido reajustes acima da inflação. Em 2017, o reajuste salarial foi de 4,57%, em 2018 de 5% e no ano passado de 3,79%, somando 14,11% no acumulado do período. Já o vale alimentação tem alta acumulada de 74,99%. Em 2016 o vale era de R$ 280,00 e subiu para R$ 310,00 (10,71%) em 2017, primeiro ano de governo da atual gestão municipal. Em 2018 o benefício aumentou para R$ 390,00, alta de 25,81%, e em 2019 para R$ 430,00, reajuste de 11,63%. Agora passará para R$ 490,00 com elevação de 13,95%.

O ticket plantão, concedido a funcionários que fazem plantões, também registrou reajuste significativo e dobrou de valor nos últimos três anos. O ticket, que era de R$ 11,00 em 2016, subiu para R$ 21,00 em 2017 e agora terá um aumento de 14,29%, passando para R$ 24,00. “Fechamos esses índices respeitando o limite prudencial e nossa disponibilidade orçamentária”, explica o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich.

Para o presidente do Sindicato dos Servidores, Tu Reginato, o diálogo fez avançar as negociações. “A relação entre patrões e empregados sempre é conflituosa, mas conseguimos negociar e, dentro da realidade financeira do município, foi fechado um bom acordo”, frisa Reginato, observando que Rio Claro é uma das primeiras cidades da região a fechar acordo coletivo.

Agora, a proposta será encaminhada à Câmara Municipal para análise e votação dos vereadores. Também participaram da reunião os vereadores Geraldo Voluntário, José Pereira dos Santos, Hernani Leonhardt, Irander Augusto, Paulo Guedes, Ruggero Seron e Thiago Yamamoto.

Pedidos de isenção do IPTU terminam dia 20

Orientação é para que as pessoas que têm direto não deixem para a última hora.

Os contribuintes de Rio Claro devem ficar atentos. O período de pedidos de isenção de pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) termina no próximo dia 20, data em que vencem a parcela única e primeira parcela do tributo. O direito foi ampliado a partir deste ano para que, além de aposentados e pensionistas, pessoas a partir de 60 anos e pessoas com deficiência também não precisem pagar o imposto, desde que tenham apenas um imóvel e recebam até dois salários mínimos.

Sancionada em setembro do ano passado pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, a lei que amplia a isenção do IPTU foi aprovada pela Câmara Municipal a partir de projeto do presidente do Legislativo, André Godoy, e do vereador Julio Lopes. De acordo com o prefeito Juninho, a lei representa uma importante ajuda para uma expressiva parcela da população. “É uma iniciativa alinhada aos nossos esforços pelos que mais necessitam”, resume.

O secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich, frisa que os interessados devem procurar o Atende Fácil o mais rápido possível para solicitar a isenção. “Como sempre, fazemos apelo para que os que tenham direito não deixem para a última hora, para que não haja longas filas de espera quando o prazo estiver se aproximando do final”, destaca.

O Atende Fácil, onde são recebidos os pedidos de isenção do IPTU 2020, fica no paço municipal (Rua 3 entre avenidas 3 e 5, Centro), perto da entrada pela Avenida 3. O atendimento é de segunda a sexta-feira das 8 às 16 horas. Podem pedir a isenção aposentados, pensionistas, segurados do INSS por meio do Benefício de Prestação Continuada assistencial ao idoso e a pessoa com deficiência, e pessoas a partir de 60 anos. O rendimento mensal não pode ser superior a dois salários mínimos e o beneficiário deve ter apenas um imóvel, onde resida.

É preciso apresentar documentos pessoais do beneficiário e documento que comprove direito à isenção, como o extrato de benefício com valor mensal recebido. As pessoas com mais de 60 anos devem apresentar comprovante de renda. As pessoas com deficiência também devem apresentar atestado médico com a indicação do CID.