Rio Claro recebe proposta para se tornar uma cidade sustentável

Município recebeu proposta de grupo coreano que quer investir em energia renovável e limpa.

O município de Rio Claro pode se tornar uma cidade sustentável. Esse foi o tema de reunião realizada na tarde desta quinta-feira (16) no paço municipal. A prefeitura recebeu proposta de grupo coreano que pretende investir em projetos de eficiência energética tendo como foco a produção de energia solar fotovoltaica e a transformação do lixo em energia com custo zero para o município. O projeto foi apresentado pelo grupo coreano BME Korea e a Coopravere Energias Renováveis de Piracicaba.

“Vamos analisar com carinho essa proposta que pode tornar Rio Claro uma cidade sustentável. Hoje temos um grande passivo no aterro e seria importante transformar esses resíduos em energia limpa, além de diminuir a quantidade de lixo depositada no local”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “Podemos diminuir custos para o município com o tratamento do lixo e ainda receber o passivo das cidades da região com possibilidade de sobra de recursos”, reforça o presidente da Câmara Municipal, André Godoy.

O presidente da Coopravere, Edemilson Trevisan, explica que o lixo já aterrado também pode virar energia por meio de gás que hoje é jogado na atmosfera. Além disso, o projeto prevê a diminuição gradativa da quantidade de lixo enviada ao aterro com possibilidade do município não mais precisar desse serviço, gerando economia aos cofres públicos. “Apresentamos o esboço do projeto. O próximo passo é coletar informações técnicas oficiais para elaborar o projeto que detalhará as etapas e o valor dos investimentos”, explica Trevisan.

Ricardo Gobbi e Silva, secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, ressalta os ganhos para o meio ambiente. “É uma energia limpa que reduz a emissão de poluentes no ar”, pontua.

A reunião foi agendada através do Sindicato dos Químicos de Rio Claro. “É uma proposta interessante que pode fazer de Rio Claro uma cidade sustentável com condições de abastecer com energia limpa os órgãos públicos”, destaca Francisco Quintino, presidente da entidade.

Os investimentos, a economia ao município e geração de empregos foram destacados pelo diretor municipal de Desenvolvimento Econômico, Laerte Tebaldi Filho. “Precisamos de mais parcerias desse tipo”, frisa.

Também participaram da reunião Adriana Seo, da empresa BME Korea;

Raphaela Galdi Bissoli Toledo de Castro, advogada da Coopravere; Valdinei Antonio Lao, diretor técnico da Coopravere; e advogado Wilson Berto.


A partir de parceria com prefeitura, empresas investem R$ 292 milhões e geram de 1.719 empregos em RC

Em três anos Programa de Desenvolvimento de Rio Claro tem 49 contratos assinados.

A empresa Uai Salgados recentemente aderiu ao Proderc. 

O Programa de Desenvolvimento de Rio Claro (Proderc) tem gerado ótimos resultados para o município. Por meio dele a prefeitura oferece isenções fiscais para empresas que queiram se instalar ou já estejam instaladas no município, impulsionando a economia local. Desde o início de 2017 até agora foram assinados 49 contratos de Proderc com investimentos totais de mais de R$ 292 milhões e criação de 1.719 postos de trabalho.

“A grande maioria dos contratos assinados foi de empresas já instaladas no município, que contribuem para o crescimento da cidade e geração de emprego e renda”, destaca o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, acrescentando que esta é uma parceria da prefeitura com as empresas e que a comunidade é a principal beneficiada.

Nos últimos três anos a adesão ao Proderc tem sido crescente. Em 2017 foram três contratos assinados, número que dobrou em 2018, quando foram assinados seis contratos. Neste ano novo salto no crescimento, com a assinatura de 40 contratos.

Os números são resultado de trabalho da prefeitura junto às empresas, divulgando o Proderc e seus incentivos. “Com isso, os empresários se sentem mais seguros para investir, aumentando a quantidade de empresas que aderem ao programa”, frisa Laerte Tebaldi, diretor municipal de Desenvolvimento Econômico.

Além de atrair novas empresas, o Proderc valoriza as já instaladas na cidade. “Isso é fundamental para incentivar o crescimento das empresas e, consequentemente, do município”, observa Ricardo Gobbi e Silva, secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento. 

Cinco empresas aderem ao Proderc e investem R$ 6,1 milhões em RC

Previsão é de gerar 53 novos empregos no município.

Mais cinco empresas assinaram nesta quinta-feira (12) contratos de adesão ao Proderc (Programa de Desenvolvimento de Rio Claro). Juntas, elas vão investir R$ 6,1 milhões na ampliação de seus negócios com previsão de gerar 53 novos empregos diretos. Assinaram Proderc as empresas: Cerâmica Savane, que vai investir R$ 900 mil e gerar dez empregos; Water Tech – R$ 10 mil e quatro empregos; Truck São João – R$ 500 mil e 20 empregos; Garden Cerri – R$ 1 milhão e sete empregos; e Sartori – R$ 3,5 milhões e 12 empregos.

Desde o início de 2017 até agora foram assinados 49 contratos de Proderc com investimentos totais de mais de R$ 292 milhões e criação de 1.719 postos de trabalho. “Acredito na força das parcerias e o Proderc é uma parceria da prefeitura com as empresas. Quando o poder público não atrapalha já ajuda, imagina então quando pode colaborar com o crescimento das empresas que geram emprego e renda e movimentam a economia da cidade”, destacou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, ressaltando que “o melhor programa social é o emprego” que dá subsistência às famílias.

O secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, Ricardo Gobbi e Silva, agradeceu os empresários pela confiança na administração e na economia local. “A prefeitura está à disposição para juntos realizarmos ações e projetos para o desenvolvimento e o progresso da cidade”, disse.

Laerte Tebaldi Filho, diretor municipal de Desenvolvimento Econômico, agradeceu o acolhimento que recebeu dos empresários em suas visitas às empresas, e a decisão deles de aderir ao Proderc. “São parcerias antigas que estão sendo renovadas e novas parcerias que estão sendo feitas, e é muito gratificante saber que Rio Claro tem empresas com esse potencial”, assinalou.

Valmir Severino Carnevali e Marcelo Zaia Gregorio falaram da surpresa de receberem visita de representantes da prefeitura com proposta positiva. “Num primeiro momento fiquei preocupado, mas depois fui muito bem assessorado”, disse Gregorio. “É cultural a crença de que os serviços públicos pouco funcionam, mas quando temos apoio e vamos ao lugar certo, funciona”, declarou Carnevali.

A decisão das empresas de investir e aplicar recursos na cidade foi elogiada por Luís Fernando Quilici, diretor de Relações Institucionais e Governamentais da Aspacer (Associação Paulista de Revestimentos Cerâmicos). “É preciso determinação, coragem e acreditar que os investimentos vão prosperar. Sem isso, a economia não avança”, pontuou Quilici, enaltecendo a disposição da prefeitura em colaborar. “Desde o início a administração municipal tem mantido com a Aspacer uma relação próxima, transparente e disponível para ações conjuntas em benefício da cidade”, afirmou.

Também participaram da assinatura os empresários Ivan Sanchez Carnivali, Julio Cesar Zambelle, Nilson Claret Pereira, Roberto Cesar Buscariol, Luis Fernando Cerri e Luiz Guilherme Sartori.

População aprova nova iluminação do Jardim Público

Prefeito Juninho entregou nova iluminação na noite de sexta-feira.

A nova iluminação do Jardim Público de Rio Claro foi entregue na sexta-feira (6) e já conquistou boa avaliação de populares que passam e trabalham no local, um dos mais movimentados do município. “Estava precisando uma iniciativa dessas, o Jardim à noite estava muito ruim”, afirma Edilaine de Cerqueira Leite Malaquias, moradora do bairro Bonsucesso. Recentemente Edilaine, que é vigia, prestou serviço a um banco que manteve unidade móvel na praça, e relata que a situação à noite era preocupante. “Agora vai melhorar”, comenta.

Com a nova iluminação, o Jardim Público está de cara nova. A mais tradicional praça de Rio Claro foi revitalizada pela prefeitura e desde a noite de sexta-feira (6) está iluminada com lâmpadas de led, ficando mais acolhedora e bonita. Ao entregar as melhorias, o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, enalteceu a população rio-clarense que tem no Jardim um dos seus mais importantes patrimônios. “Mais que resgatar uma referência histórica e urbana da cidade, estamos devolvendo esse maravilhoso espaço à comunidade e dando outro passo em nossos esforços para que as áreas públicas sejam frequentadas pelas famílias, de forma ordeira e segura”, destacou Juninho.

O evento de sexta-feira, que contou com presença musical da cantora Suelen Ka, consagrada nacionalmente no The Voice, celebrou outras intervenções da prefeitura na praça, que ganhou 15 novas lixeiras com mecanismo que facilita seu esvaziamento. Bancos e coreto receberam pintura e árvores foram podadas.

Para o comerciante Odair José Zamboni, que há anos mantém a Banca Central no Jardim Público, a nova iluminação chegou em boa hora. “Do jeito que estava não podia ficar”, afirma, destacando as melhorias feitas pela prefeitura. “A praça precisava disso, espero que a partir de agora pais e crianças voltem a passear na praça à noite”, acrescenta. Zamboni lembra que sua banca, que chegou a funcionar até as 22 horas, passou a fechar às 19h30 devido a falta de iluminação adequada na praça. “Quem sabe agora, com essas melhorias, possamos voltar a estender o horário de funcionamento”, comenta, afirmando que a intervenção no local é importante tanto no aspecto turístico quanto no da segurança.

Com as mudanças, o Jardim Público passa a ser a primeira praça pública de Rio Claro com iluminação de led, que é mais eficiente, econômica e durável. São 80 novos postes e 180 novas luminárias, em um serviço que inclui a troca de toda a fiação. O objetivo da prefeitura também é incrementar o local com mais atividades culturais noturnas. Além disso, 11 monumentos históricos e as árvores mais importantes receberam iluminação especial para torná-los mais atrativos ao público, valorizando ainda mais o patrimônio cultural e ambiental da cidade.

As obras foram feitas pela parceria da prefeitura com a empresa Rio Claro Empreendimentos Imobiliários. “Num tempo recorde e com muita determinação, porque a cidade merece”, disse o empresário Belmir Menegathi. De acordo com o presidente da Câmara de Vereadores, André Godoy, a revitalização do Jardim Público é mais uma demonstração de que o compromisso assumido com a população está acontecendo. “Este é um momento histórico para Rio Claro”, disse. Também estiverem presentes à entrega da nova iluminação do Jardim Público os vereadores Julinho Lopes, Adriano La Torre, Paulo Guedes, Hernani Leonhardt, Val Demarchi e Seron. O secretário de Governo, Ricardo Gobbi e Silva, destacou que o Jardim Público está na vida e na memória de milhares rio-clarenses. O secretário de Segurança, Marco Antonio Bellagamba, lembrou do ganho que a nova iluminação traz para a segurança pública.

O morador da Vila Alemã, Paulo Roberto Rocha, também aprova as mudanças no Jardim Público. “É bom para o município e para quem gosta de passear à noite”, comenta. Rocha passa frequentemente pela praça, especialmente de dia, e acredita que as mudanças vão deixar o local mais agradável no geral. “Mudanças positivas têm sempre nosso apoio”, finaliza.

Formandos recebem diploma de cuidador de idosos

Entrega dos certificados foi realizada na quinta-feira (5) no PAT.

Vinte e dois alunos concluíram neste mês curso de cuidador de idosos, oferecido pela prefeitura em parceria com o programa estadual Via Rápida Emprego. “Recebemos conhecimento valioso, em oportunidade única de qualificação”, agradeceu Ieda Ribeiro, que com os colegas de turma recebeu na quinta-feira (5) o certificado de conclusão no Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), onde as aulas foram realizadas.

Cleide Barbosa já tem experiência de anos na profissão e com o curso se sente ainda mais preparada para atuar no cuidado aos idosos. “Foi maravilhoso”, resumiu ela. A opinião é compartilhada por Fernanda Zago e Kátia Oliveira, que também já atuavam na área e viram no curso a chance de adquirirem mais conhecimento. “Saio do curso com currículo enriquecido e mais credibilidade diante de possíveis famílias contratantes”, enfatizou Katia Oliveira.

“Esta é uma área em crescimento, que demanda cada vez mais profissionais capacitados, e vocês tiveram a atitude de buscar qualificação”, destacou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “O conhecimento técnico foi adquirido e junto dele é importante que a profissão seja exercida com carinho, amor e respeito ao próximo”, acrescentou o prefeito Juninho.

No ano que vem novos cursos devem ser realizados, conforme adiantou Renata Murbach, diretora do PAT, vinculado à secretaria de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento. “Novas parcerias devem ser firmadas e muitas oportunidades serão ofertadas na área da qualificação”, observou Renata.

A coordenadora do Centro Paula Souza, Débora Vazzoler, parabenizou os alunos pela dedicação e Benedito Fernandes da Costa, o Tuzinho, diretor do Procon, desejou sucesso aos alunos.

“A semente foi plantada e certamente dará bons frutos”, disse a professora Geisa Araújo Pascuti. O secretário Emílio Cerri, de Agricultura, também participou da cerimônia de entrega dos certificados.

Parceria entre prefeitura e Caixa Federal acelera andamento de projetos

Banco orienta sobre os procedimentos para agilizar os trâmites dos processos que envolvem recursos federais.

Representantes da prefeitura de Rio Claro e da Caixa Econômica Federal se reuniram nesta terça-feira (3) no paço municipal para discutir o andamento dos processos do município em andamento no banco, gestor financeiro de várias obras viabilizadas com recursos federais. Na reunião, o supervisor Erick Moura Fabbri Petrilli, da gerência executiva da Caixa em Piracicaba, apresentou a última atualização dos processos e as próximas etapas a serem cumpridas para liberação dos recursos.

“A Caixa tem sido uma grande parceira do município nos orientando a cada passo sobre o cumprimento dos trâmites burocráticos para aprovação dos projetos”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “Esse apoio é de fundamental importância para que a prefeitura consiga realizar as obras e atender a população”, acrescenta.

Para o secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, Ricardo Gobbi e Silva, seguir os trâmites à risca é essencial para evitar atrasos e contratempos. “É importante recebermos a orientação necessária sobre como devemos proceder para não perder os recursos destinados ao município, principalmente de emendas parlamentares”, destaca.

Na última atualização três projetos de Rio Claro avançaram mais uma etapa: pavimentação de ruas no bairro Recanto Paraíso e as revitalizações da orla e do playground do Lago Azul. “A burocracia atrapalha, mas aos poucos estamos conseguindo avançar no andamento dos projetos”, observa o secretário municipal de Obras, Paulo Roberto de Lima.

As três obras juntas somam investimentos de quase R$ 1 milhão com recursos de emendas parlamentares e contrapartida do município. Para o Lago Azul, as emendas são da deputada federal Renata Abreu atendendo pedidos do secretário municipal de Agricultura, Emilio Cerri e do presidente da Câmara Municipal, André Godoy, e do deputado federal Fausto Pinatto, por intermédio do vereador Adriano La Torre. No Recanto Paraíso a emenda é do deputado federal Paulo Freire, por solicitação do vereador José Pereira.

Empresas investem R$ 11,4 milhões e geram 92 empregos em Rio Claro

Município totaliza 44 adesões ao Proderc, que somam R$ 285,9 milhões em investimentos e quase 1.700 empregos diretos.

Representantes da prefeitura de Rio Claro e de seis empresas assinaram nesta sexta-feira (29) termos de adesão ao Proderc (Programa de Desenvolvimento de Rio Claro), que oferece isenções fiscais para empresas que queiram se instalar ou já estejam instaladas no município. Juntas, as empresas vão investir R$ 11,4 milhões com previsão de gerarem 92 empregos diretos no município.

“Sempre fico muito feliz em assinar Proderc porque significa que novos investimentos serão feitos na cidade movimentando a economia local, com geração de emprego e renda”, destacou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, ao assinar os contratos. “Nossa administração trabalha para diminuir a burocracia e facilitar o caminho para os empresários que queiram se instalar na cidade e também aqueles que já estão instalados e querem ampliar seus negócios”, acrescenta.

O secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, Ricardo Gobbi e Silva, ressaltou a sinergia entre as empresas e o poder público. “Essa parceria é muito importante para que o empresário se sinta seguro para investir fazendo a economia girar”, disse.

Assinaram termo de adesão ao Proderc as empresas DPV que vai investir R$ 1,5 milhão e criar seis empregos, Traumec 1 (R$ 800 mil – 3 empregos), Traumec 2 (R$ 800 mil – 10 empregos), Grupo Andreta (R$ 3,8 milhões – 18 empregos), Cervejaria Prime Brew (R$ 3 milhões – 10 empregos) e V8 Auto Posto e Serviços (R$ 1,5 milhão – 45 empregos). Desde o início de 2017 até agora já foram assinados 44 contratos de Proderc que somam R$ 285,9 milhões de investimentos e criação de 1.666 postos de trabalho. “Estamos trabalhando para divulgar o Proderc e seus incentivos, e o programa tem sido bem recebido pelas empresas ampliando o número de adesões”, informou o diretor municipal de Desenvolvimento Econômico, Laerte Tebaldi Filho.

O empresário Alexandre Vilalobos Hernandes, da DPV, observou que o Brasil tem uma alta carga tributária e o poder público e empresários precisam trabalhar juntos em prol do desenvolvimento. “A cidade só cresce se tiver união. Somente o trabalho conjunto de empresas e poder público faz a economia girar”, destacou. José Maurício Andreta Junior, do Grupo Andreta, enalteceu a boa receptividade obtida em Rio Claro. “Nossa empresa está presente em 16 cidades e em nenhuma prefeitura fomos tão bem recebidos como em Rio Claro”, comentou.

Também participaram da assinatura os empresários Nelson Rosa, Paulo Caritá, Marco Matteoni e João Felipe Dalla Costa Matthiesen.

Prefeitura faz parceria com empresas para adoção de mais cinco praças

Adotantes assumem o compromisso de cuidar da manutenção da praça.

Mais cinco praças públicas foram adotadas em Rio Claro. Cinco empresas assinaram nesta segunda-feira (25) termo de adesão ao programa Adote uma Praça, que prevê a revitalização de áreas públicas por meio de parcerias com a iniciativa privada, instituições e munícipes. “Fico muito feliz em poder contar com o apoio de pessoas boas que nos ajudam a cuidar da nossa cidade”, destacou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, agradecendo a iniciativa das empresas. “O objetivo não é transferir a responsabilidade do município e sim trabalharmos juntos pelo bem comum”, acrescentou o prefeito.

Para Ricardo Gobbi e Silva, secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, as parcerias público-privadas são muito importantes para o município. “As empresas assumem junto com o poder público a responsabilidade que é de todo cidadão, cuidar do bem público em benefício da comunidade”, disse o secretário.

As empresas se comprometem a fazer o paisagismo e cuidar da manutenção da praça. Como contrapartida, o adotante recebe permissão de uso da praça onde pode instalar placa publicitária no local, respeitando a padronização definida pela prefeitura. “Queremos cuidar da praça e torná-la um ponto de encontro e de evangelização”, informou os pastores Cláudio Benedito Breda e Adriana Cláudia Giovanni Breda, da Igreja Quadrangular, que adotou a praça localizada na Rua 9 com a Estrada dos Costas, no Jardim das Palmeiras. A adoção da praça foi proposta pelos jovens da igreja.

Edison Ap. Rosin e Cristiano Sorano de Lima, da Edison Lanches e da Sorano Veículos, vão adotar a praça que fica na Avenida 2, entre as ruas 10 e 11. “Soubemos do programa e achamos interessante colaborar”, disseram.

A família Bonaldo há anos cuida informalmente da praça que fica na Rua 13 com a Avenida 64, no Jardim Cidade Azul. Agora esse cuidado foi formalizado por Kleber Bonaldo, através do programa Adote uma Praça. “Meu marido já cuidava da praça e vamos continuar esse trabalho”, informou Maria Rosa Bonaldo.

A empresa Spiller Imóveis adotou praça na Avenida Visconde do Rio Claro com a Rua 7 e Avenida 6. “Escolhemos uma praça que se enquadra dentro do projeto da empresa de colaborar com o município na preservação da praça e embelezamento da cidade”, explicaram Mauro Ap. Espiller Fuji e Cláudio Espiller.

Já em andamento está a obra de revitalização de praça e quadra localizadas na Rua 30 com Avenida Saburo Akamine, no bairro Santa Elisa, através de parceria da prefeitura com a empresa Luizzi Estofados onde o projeto foi acolhido pelo diretor Danilo Scussolino.

As empresas, instituições e munícipes interessadas em adotar praça em Rio Claro podem procurar a Secretaria Municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, que fica no paço municipal.

Banco do Povo completa 20 anos de atividades em Rio Claro

Agência local é a nona colocada em volume de negócios e a segunda com menor inadimplência no Estado de São Paulo.

O Banco do Povo Paulista (BPP) de Rio Claro completa 20 anos no domingo, dia 3 de novembro. São duas décadas atendendo a população rio-clarense com ofertas de crédito que ajudaram a realizar o sonho de milhares de pessoas. O Banco do Povo é um programa de microcrédito desenvolvido pelo governo estadual em parceria com as prefeituras.

“Esse é mais um exemplo de parceria de sucesso. O Banco do Povo complementa as ações do município para fomentar negócios, promover desenvolvimento econômico e gerar emprego e renda na cidade”, avalia o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

Desde o início das atividades em 1999 até agora foram fechados 4.796 contratos que somam R$ 25.725.620,36 em valores emprestados. Atualmente o BPP local ocupa a nona posição no Estado de São Paulo em volume de negócios. É o nono que mais empresta no estado entre 580 unidades, segundo levantamento feito com base em dados no primeiro semestre deste ano.

“Além do nono lugar em empréstimos, o Banco do Povo local também ficou em segundo lugar no quesito menor inadimplência”, informa Ricardo Gobbi e Silva, secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento. “É um grande orgulho para Rio Claro atingir a marca de 20 anos de atividades ininterruptas, principalmente numa posição de tanto destaque, já que o município está à frente de outros de igual ou maior porte”, reforça Laerte Tebaldi Filho, diretor municipal de Desenvolvimento Econômico.

O BPP oferece linhas de crédito baratas para pequenos empreendedores que pretendem iniciar ou ampliar seus negócios. A taxa de juros é atrativa e varia de 0,35% a 1% ao mês. As linhas de crédito variam de R$ 200,00 a R$ 21 mil para pessoas físicas e microempreendedores individuais e de R$ 200,00 a R$ 50 mil para jurídicas. O pagamento pode ser feito em até 36 vezes, dependendo da modalidade de crédito. “Para fazer o empréstimo a pessoa precisa atender alguns requisitos como ter faturamento bruto de até R$ 360 mil por ano e não possuir restrições cadastrais”, explica Léia dos Santos Lima, agente de crédito que atua no Banco do Povo desde sua inauguração.

Nesses 20 anos de atividades, o BPP passou pela Avenida 9, entre as ruas 5 e 6; pela Avenida 5, entre ruas 4 e 5; pela Rua 5, entre avenidas 4 e 6; e pela Avenida 3, entre as ruas 6 e 7. Hoje a agência funciona no paço municipal na Rua 3, entre as avenidas 3 e 5, Centro. O BPP está localizado no térreo do prédio, primeira porta à esquerda na entrada pela Avenida 3. É só comparecer ao local para obter informações sobre as linhas de crédito disponíveis. A unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16 horas. O telefone é (19) 3523-8684.

PAT fará na 2ª-feira plantão para agendamento de biometria

Até dezembro eleitores de Rio Claro devem cadastrar biometrias nos cartórios eleitorais.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador de Rio Claro terá plantão na próxima quinta-feira (7) para agendamentos de biometria. Das 8 horas ao meio dia o público poderá agendar dia e horário para comparecer ao cartório eleitoral e fazer o cadastramento biométrico. O PAT fica na Rua 6, 676, Centro.

“O PAT atende muitas pessoas diariamente e é importante que ampliemos esta divulgação, auxiliando a comunidade sobre o cadastramento, que é obrigatório”, observa Renata Murbach, diretora do PAT, acrescentando que o trabalho está sendo feito para ajudar as pessoas a se organizarem, evitando as filas de última hora.

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo lembra que o agendamento não é obrigatório, podendo o eleitor comparecer diretamente aos cartórios para o cadastramento biométrico, porém agendar previamente garante maior rapidez no atendimento.  O prazo para o eleitor cadastrar sua biometria, em Rio Claro, será encerrado em dezembro.

O cadastramento das biometrias em Rio Claro está sendo realizado no cartório eleitoral da 110ª Zona Eleitoral, Rua 8, 819, Avenidas 5 e 7 (telefone 3524-8283), e no cartório eleitoral da 288ª Zona Eleitoral, Avenida 13, 634, Ruas 5 e 6 (3524-9091). Segundo o TRE, nessa sexta e segunda-feira (1 e 4) os cartórios de todo o estado estarão fechados. O atendimento será retomado na terça-feira (5).