União de esforços mantém projeto de equitação social

Uma boa notícia para a comunidade de Rio Claro. O projeto de equitação realizado na cavalaria da Polícia Militar, que recentemente encerrou os serviços na cidade, terá continuidade em nova casa. As atividades da escola de equitação serão desenvolvidas no Clube de Cavaleiros, que já desenvolve trabalho semelhante em sua sede na Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade (Feena). A manutenção do projeto foi possível graças à união de esforços do poder público, PM, entidades e comunidade.

“A união dos vários segmentos sociais vibilizou a manutenção desse projeto que atende dezenas de crianças. São pessoas assim que ajudam o poder público a fazer a diferença”, comentou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, no evento realizado para anunciar as novas regras de funcionamento da escola de equitação. O projeto atende 30 crianças que praticam volteio interativo, além de ajudar nos cuidados com os cavalos.

A equitação social é desenvolvida por meio de parceria entre a Secretaria do Desenvolvimento Social, Udam, Polícia Militar, Instituto Carlos Roberto Hansen, Casa das Crianças, Educandário Santa Maria Goretti e, agora, o Clube de Cavaleiros. Além da escola de equitação, também será mantido o cinosocial desenvolvido pelo canil da PM, em parceria com a prefeitura e entidades, que atende mais de 100 crianças.

O vice-presidente da Udam, Adriano Marchi, comemorou a manutenção do projeto. “A escola de equitação permite que as crianças que não têm condições de pagar por uma aula também pratiquem esse esporte”, disse. O comandante da PM, tenente-coronel Márcio Silveira Franco, enalteceu o esforço de todos os envolvidos para manter o projeto que investe na formação das crianças.

Também participaram do evento Marco Antonio Bellagamba, vice-prefeito e secretário de Segurança; Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social de Solidariedade; Érica Belomi, secretária do Desenvolvimento Social; Aldo Demarchi, deputado estadual; juiz Cláudio Pavão, diretor do Fórum; Renata Cristina Murbach, presidente do Clube dos Cavaleiros; Cristina Manprim Losano, presidente da Equoterapia; José Renato dos Santos, gestor da Feena; Mozart Gramiscelli Ferreira, presidente da OAB; Augusto Pedro Prochnon Júnior, presidente da Casa das Crianças; capitão Bovo e sargento Marucci, da PM;  os veadores Júlio Lopes, Seron, Adriano La Torre e Geraldo Voluntário; crianças atendidas pela Udam e pelo Educandário; entre outros participantes.

Em um mês prefeitura recupera R$ 4,5 milhões com trabalho realizado pela Fipe

Contratada em setembro pela prefeitura de Rio Claro para auxiliar no gerenciamento do setor econômico-financeiro do município, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) já garantiu a recuperação imediata de valor superior a 2,6 milhões aos cofres públicos municipais, e mais quase R$ 2 milhões nos próximos cinco anos, somente adequando os pagamentos de contribuição previdenciária da administração municipal. Os números fazem parte de relatório dos primeiros 30 dias de trabalho da Fipe para a prefeitura e demonstram que os valores recuperados já correspondem a mais de 50% do valor a ser pago pela Fipe pelos serviços .

“Estamos passando pente fino nas contas municipais para honrar nosso compromisso de respeito ao contribuinte e de austeridade com o dinheiro público”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

De acordo com o secretário municipal de Economia e Finanças, Gilmar Dietrich, a partir do relatório da Fipe o governo municipal está recuperando mais de R$ 2,6 milhões referentes a valores recolhidos indevidamente nos últimos 60 meses de Contribuições de Risco Ambiental de Trabalho (RAT) e do Fator Acidentário de Prevenção (FAP). “Além disso, o estudo mostra que a correção na base de cálculo do RAT nos permitirá economizar cerca de R$ 32,5 mil por mês o que, nos próximos cinco anos, representará economia real superior a R$ 1,9 milhão aos cofres públicos”, acrescenta.

Segundo o consultor de projetos da Fipe, Alípio Albuquerque, isso é apenas a ponta do iceberg. “Nesse início de atividades é possível estimar que dezenas de milhões de reais serão recuperados pela prefeitura, e estamos empenhados nesse trabalho”, afirma.

A prefeitura contratou a Fipe para verificar as contas de quatro secretarias: Administração, Educação, Finanças e Desenvolvimento Social. O objetivo da contratação é verificar se as verbas pagas pela prefeitura entre 2011 e 2016 estão corretas e de acordo com a legislação, ou se parte desses recursos podem ser recuperados para os cofres públicos.

O valor do contrato entre a prefeitura e a Fipe é de R$ 7.277.000,00 por um período de dois anos. Esse valor deverá ser pago conforme a necessidade de atuação da entidade no município.

Agentes educacionais participam de curso de capacitação em Rio Claro

Cerca de 200 agentes educacionais que atuam com alunos da Educação Especial na rede municipal de ensino de Rio Claro participam da formação “O papel do agente educacional com os alunos público-alvo da educação especial na perspectiva da educação inclusiva”. O curso está sendo oferecido pela prefeitura por meio da Secretaria Municipal da Educação.

Na rede municipal, os alunos com deficiência e algum tipo de transtorno freqüentam as escolas regulares e recebem apoio do atendimento educacional especializado em sala de recursos com professores que possuem formação em Educação Especial. Quando há necessidades específicas, principalmente nas áreas de higiene, alimentação e locomoção, os estudantes contam com o apoio do agente educacional.

“A atuação do agente educacional, em parceria com os professores e demais profissionais da escola, é fundamental para a permanência dos alunos da Educação Especial nas escolas regulares na perspectiva da inclusão”, explica o secretário municipal da Educação, Adriano Moreira, destacando a importância da formação em andamento.

Os agentes educacionais foram divididos em quatro grupos para participar da formação que está sendo ministrada no Sesi. Os próximos encontros serão realizados na próxima terça-feira (14) e 7 de dezembro. No curso, os agentes recebem informações sobre os conceitos da educação especial e educação inclusiva; atuação do agente educacional com alunos com deficiências física, visual, intelectual e múltipla; transtorno do espectro do autismo; surdocegueira; além de aspectos gerais sobre educação de surdos e educação bilíngüe. As aulas estão sendo ministradas pelos professores das salas de recursos de escolas municipais através de exposição de conteúdo por vídeos e slides, dinâmicas de grupo e atividades práticas como locomoção em cadeiras de rodas.

Para Simara Pereira da Mata, coordenadora de Educação Especial da Secretaria da Educação, investir na formação dos profissionais que atuam com os alunos da Educação Especial é fundamental para a garantia dos direitos desses estudantes. “É preciso investir na remoção de barreiras, na promoção da acessibilidade e assegurar a plena participação de todos os alunos no contexto escolar. A construção de uma educação cada vez mais inclusiva tem sido o nosso objetivo”, afirma.

A formação foi aprovada pelos agentes educacionais. “O curso foi muito informativo e ajudará no meu dia a dia”, “Foi bem proveitoso por ser meu primeiro ano em contato com crianças da Educação Especial e aprendi muita coisa que irei tentar colocar em prática na escola”, “O curso me ajudou a pensar e ter ideias para ajudar o aluno que acompanho”, foram alguns dos comentários feitos nas avaliações realizadas pelos participantes.

Aniversário de 66 anos da UFA reúne centenas de pessoas no Sobradão

Centenas de pessoas participaram da comemoração do aniversário de 66 anos da União dos Ferroviários Aposentados (UFA) realizada sexta-feira (10) no Sobradão em Rio Claro. O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, prestigiou o evento da entidade que presta relevantes serviços à comunidade. “A UFA sempre trabalhou em benefício dos ferroviários aposentados e também da comunidade com oferta de vários serviços. É uma honra participar dessa celebração”, declarou Juninho.

Para celebrar a data foi servido gostoso almoço para os associados da entidade. O presidente da UFA, José Gil Godillo Filho, abriu o evento anunciando que manterá inalterado o valor da mensalidade dos associados em 2018. “É um presente da UFA para vocês”, disse, sob uma grande ovação e salva de palmas. Também foi feita homenagem à dona Floriza Camargo Guilherme, a associada mais antiga da UFA que completa neste mês 102 anos de idade.

O evento contou com participação do deputado estadual Aldo Demarchi, da vereadora Maria do Carmo Guilherme, de membros da diretoria e funcionários da UFA, entre outras autoridades e convidados.

Adutora na Washington Luís receberá manutenção preventiva no domingo

O Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) de Rio Claro realizará na manhã de domingo (12) manutenção preventiva na adutora localizada no trecho que passa sob a rodovia Washington Luís. O objetivo é evitar paralisações no abastecimento decorrentes de rompimentos.

Para que o serviço possa ser realizado com segurança, o fornecimento de água poderá ser interrompido nas imediações do bairro Jardim Guanabara e em parte do Jardim das Palmeiras, Terra Nova, Nova Rio Claro, Jardim Centenário, Maria Cristina, Benjamin de Castro, Jardim Brasília e Parque das Nações.

A conclusão dos trabalhos está prevista para o início da tarde de domingo e a autarquia orienta que os consumidores redobrem a atenção ao uso racional da água nesse período, principalmente nos imóveis sem reservatório (caixa d’água), cuja instalação é obrigatória em todos os imóveis, conforme determina o Código Sanitário Estadual.

Mais informações podem ser obtidas pela central de atendimento do Daae, pelo telefone 0800-505-5200.

RC no Fórum Estadual de Gestores Municipais da Área da Deficiência

Rio Claro participou do Fórum Estadual de Gestores Municipais da Área da Deficiência na quinta feira (9). O município foi um dos coordenadores do evento e teve representante na mesa de abertura do encontro, que reuniu gestores de várias cidades do Estado de São Paulo. O assessor municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Rio Claro, Paulo Meyer, destacou o momento que o município vive de valorização das políticas de inclusão.

“O governo do prefeito João Teixeira Junior vem redobrando esforços na articulação de ações em prol da inclusão”, comenta, destacando ainda a intensa participação do Conselho Municipal de Direitos da Pessoa com Deficiência, que esteve representado no fórum.

O Secretário Adjunto do Estado de Direitos da Pessoa com Deficiência, Luiz Carlos Lopes, preside o fórum e abriu o evento falando da importância dessa iniciativa para troca de experiência entres os municípios. É a mesma opinião do analista de Políticas Públicas de Rio Claro, Vilson Andrade “É de grande valia encontros como esses, pudemos discutir temas como políticas públicas para pessoas com deficiência, o marco regulatório do Terceiro Setor, captação de recursos e aportes de fundos estaduais”, comenta.

Outro assunto debatido foi divulgação de modalidades esportivas voltados para pessoa com deficiência, como o goalball. Em Rio Claro, a prefeitura, por meio da Secretaria dos Esportes e Turismo, oferece aulas dessa modalidade. Na área educação, o assessor dos Direitos da Pessoa com Deficiência rio-clarense destaca o trabalho realizado pelo município e cita a escola Armando Grisi, que vem se destacando como modelo regional ensino inclusivo.

Também representaram Rio Claro no fórum a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Sonia Carrocine; as assistentes sociais Ana Carla Mafra Alves e Adrieti da Costa; a coordenadora da Apachi, Ana Paula de Matos, e o conselheiro Paulo Henrique Gonçalves.

Mutirão de combate ao Aedes estará em 6 bairros neste sábado

Agentes do Centro de Controle de Zoonoses de Rio Claro estarão nas ruas a partir das 8 da manhã deste sábado (11) em mais um mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypti. Com o auxílio de equipe da Secretaria de Meio Ambiente, com o caminhão cata bagulho, os agentes farão a visita de casa em casa nos bairros Bonsucesso, Novo Wenzel, Bom Retiro, Jardim Brasília 1 e 2 e Jardim Guanabara.
O cata bagulho fará o trabalho de recolhimento de pneus velhos, entulhos, restos de móveis, garrafas e outros potenciais criadouros do mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.
Todos os agentes que farão as visitas de casa em casa estarão devidamente identificados e, além de eliminar possíveis criadouros, farão a orientação aos moradores.
Desde o início do ano Rio Claro registrou 13 casos de dengue, nove casos de chikungunya e nenhum caso de zika vírus, segundo boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica nesta quinta-feira (09).
A Secretaria Municipal de Saúde de Rio Claro ressalta a importância de todos fazerem a sua parte no combate ao mosquito. Entre as principais recomendações estão manter bem tampados caixas, tonéis e barris de água; colocar o lixo em sacos plásticos e manter a lixeira sempre bem fechada; não jogar lixo em terrenos baldios. Garrafas de vidro ou plástico, se guardadas, devem ser mantidas sempre com a boca para baixo, e não se deve deixar a água da chuva acumular sobre a laje ou em calhas entupidas. Os pratinhos ou vasos de plantas devem ser preenchidos com areia até a borda e, em casos de armazenamento de pneus velhos em casa, toda a água deve ser retirada e os pneus mantidos em locais cobertos, protegidos da chuva. Frequentemente é necessário limpar as calhas, evitando que galhos e folhas possam impedir a passagem da água e os recipientes utilizados para guardar água, pelo menos uma vez por semana, devem ser lavados com água e sabão.

Festival de Arte é atração nessa segunda-feira no Centro Cultural

O Centro Cultural “Roberto Palmari”, em Rio Claro, recebe na segunda-feira (13) o Festival Unesp Arte e Expressão – Catia Mary Volp. O público poderá conferir gratuitamente as atividades, que terão início às 21 horas.

Com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura, o evento é realizado pelo Departamento de Educação Física da Unesp de Rio Claro anualmente desde 1986. O principal objetivo é criar um espaço para apresentações artísticas produzidas pelos próprios alunos em disciplinas e projetos de extensão e outras atividades universitárias da Unesp de Rio Claro.

Neste ano, o Festival abriu inscrições para apresentações de grupos de dança de academias da cidade, clubes e outras entidades para promover maior integração entre a universidade e a comunidade rio-clarense. A coordenação do evento é do professor doutor Flávio Soares Alves, da professora doutora Silvia Deutsch e de Tamires Vicente da Silva.

Campanha arrecada alimentos em supermercados neste sábado

Vinte e dois supermercados de Rio Claro terão neste sábado (11) pontos de arrecadação de alimentos da campanha organizada pelo Fundo Social de Solidariedade do Município. Das 8 às 17 horas a comunidade poderá contribuir com quem precisa doando a partir de um quilo de alimento não perecível.

“As doações são muito bem-vindas e serão utilizadas para atendermos famílias carentes da nossa cidade”, comenta Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social. Os alimentos doados serão entregues ao Banco de Alimentos, que os encaminhará às entidades assistenciais para distribuição às famílias.

A ação solidária tem o apoio da Defesa Civil, Tiro de Guerra, Secretaria do Desenvolvimento Social e entidades assistenciais. Atiradores do Tiro de Guerra e voluntários vão estar nos pontos de coleta nos supermercados para orientar a população sobre a campanha e receber as doações. Os voluntários poderão ser identificados pela camiseta com o logo do Fundo Social.

“Contamos com a colaboração da comunidade, que tem se mostrado tão solidária, para termos sucesso em mais essa ação social voltada a quem mais precisa”, observa Paula.

Os supermercados participantes da campanha são Assaí, Barbosa, Bom Jesus, Brasil Frios (Avenida Brasil e Avenida 12), Covabra (Rua 8 e Rua 6), Dia (Centro), Duarte, Enxuto (Avenida 34 e Rua 14), Furquim, Irmãos Casagrande, Lavapés (Avenida 29 e Avenida Felício Castelano), Mercadão das Frutas, Mercado Matos II, Mercado Qualidade, Paulistão, Savegnago, Rede Horti Mais e Tropical.

Juventude e Paulistão começam neste sábado a decidir o título do Campeonato Veteranos 38

Neste sábado, 11, a partir das 16h45, no Distrital do Juventus localizado no Jardim das Palmeiras será realizada a primeira partida da decisão do Campeonato Municipal Veteranos 38. Em campo duas das equipes tradicionais do esporte de Rio Claro. De um lado, o Juventude, que representa o futebol do Wenzel. Do outro, o Paulistão, com sua apaixonada torcida da Vila Paulista.

Ambas as equipes chegam forte para a decisão. O Juventude eliminou o Juventus para garantir vaga na final enquanto o Paulistão teve pela frente partida difícil contra o Ribeirão Claro.

Juventude e Paulistão já mediram forças na temporada 2017 em partida válida pela fase classificatória. Naquela oportunidade, melhor para o Paulistão que venceu por 2 a 1 tirando a invencibilidade do Juventude. Agora, chegou a hora do tira teima. Vale título!