Unidade de saúde do Wenzel será reformada pela prefeitura

A prefeitura de Rio Claro irá investir R$ 440 mil para realizar reforma no prédio da Unidade Básica de Saúde “Dr. Mário Fittipaldi”. “É um problema antigo, que já tínhamos conhecimento, mas que não conseguimos resolver no ano passado em razão da falta de recursos financeiros”, observou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, durante visita ao prédio no final da tarde de segunda-feira (26).

Nesta quarta-feira, as empresas que participam da concorrência pública que está sendo providenciada pela Secretaria Municipal de Saúde farão visita técnica ao prédio. “Vamos reformar o telhado, calhas, algumas partes do piso e refazer toda a pintura, além de providenciar alguns reforços na estrutura do prédio”, informa o secretário Djair Francisco.

Estimativa inicial aponta que 80% do imóvel, localizado na Rua 21 com a Avenida 62 do bairro Wenzel, sofre com infiltrações em dias de chuvas. “O prédio foi reformado em 2011, portanto não deveria apresentar problemas tão graves em sua estrutura”, observa o prefeito Juninho, acrescentando que “com orçamento melhor planejado, neste ano vamos resolver a situação, para atendendo a comunidade e os funcionários da unidade”.

De acordo com Alexandra de Cássia Marques, coordenadora da UBS Wenzel, a unidade atende mais de 30 mil pessoas em consultas médicas, vacinação, curativos e outros serviços, além da entrega de medicamentos.

Juninho assina convênios para quase 700 moradias em RC

O prefeito de Rio Claro, João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, assinou segunda-feira (26) no paço municipal convênios com as empresas que vão construir 688 unidades habitacionais de interesse social no município, em investimento de quase R$ 60 milhões. São 544 apartamentos para mutuários com renda familiar bruta até R$ 2.600,00, e outros 144 para famílias com renda total até R$ 4 mil. “Emprego e moradia são condições básicas para as pessoas estruturarem as suas vidas”, comentou Juninho, destacando a importância dos novos apartamentos. “Temos certeza de que as unidades serão entregues com toda a qualidade que a comunidade merece, pois em nossa administração não tratamos moradia como depósito de gente”, frisou durante a assinatura dos convênios com as construtoras Caprem e Adecol. O prazo inicial de entrega das novas unidades é de dois anos.

O presidente da Câmara Municipal, André Godoy, lembrou que os vereadores são muito procurados por pessoas que querem casa própria. “Além de ajudar a atender esse público, os novos apartamentos representam investimento, geração de empregos, demanda por comércio e serviços e, por conseqüência, ampliação na arrecadação de tributos”, pontuou. Também participaram da assinatura os vereadores Geraldo Voluntário, Irander Augusto e Júlio Lopes, que destacou as faixas de renda às quais são direcionadas as novas moradias. “Muitas famílias com esses perfis de renda acabavam ficando fora dos investimentos habitacionais de interesse social em Rio Claro, e é fundamental que elas também sejam atendidas”, disse.

O secretário da Habitação, Anderson Golucci, explica que as novas moradias são direcionadas às famílias cadastradas no programa habitacional da prefeitura. “É necessário que as pessoas que já tenham cadastro e se enquadram no perfil de renda procurem a Secretaria da Habitação para atualizarem dados”, orienta. O atendimento para cadastramento ou atualização dos dados é feito na Secretaria da Habitação, localizada no Núcleo Administrativo Municipal (NAM, antigo prédio da Elektro da Rua 6), Rua Dr. Eloy Chaves, 3265, Alto do Santana. É preciso apresentar comprovante de endereço, comprovante de renda, documentos pessoais (RG, CPF e carteira de trabalho) e, quando for o caso, certidão de casamento e de nascimento dos filhos.

Dos 560 apartamentos para mutuários com renda familiar bruta até R$ 2.600,00, quatrocentos serão construídos na região do Sobradão e 160 na Avenida dos Costas, perto do Jardim das Nações. A obra ficará a cargo da Construtora Caprem e é estimada em R$ 44.665.000,00. Já os 144 apartamentos para mutuários com renda familiar bruta até R$ 4 mil serão construídos pela Construtora Adecol em área na Rua 6, na região do Cervezão, em investimento de R$ 14.743.000,00.

Também participaram da assinatura dos contratos de novas moradias em Rio Claro o presidente da Caprem Construtora, Emílio Capretz Neto, e o diretor administrativo Fábio Rodrigo de Oliveira. Pela Construtora Adecol, estiverem presentes o proprietário Adriano Coli e o diretor Fábio Silva Queiroz.

Rio Claro fiscaliza cumprimento de leis antifumo e antiálcool

Ação de fiscalização foi realizada no sábado (24) em Rio Claro para inspecionar estabelecimentos comerciais em relação ao cumprimento da lei que proíbe venda de bebidas alcoólicas a menores de idade e também da lei que proíbe consumo de tabaco em ambientes específicos. O trabalho foi realizado em conjunto pela Vigilância Sanitária de Rio Claro (Visa), Centro de Vigilância Sanitária e Gabinete de Vigilância Sanitária do Estado de São Paulo.

Trinta e três estabelecimentos foram inspecionados durante a operação, que começou às 9h30 e seguiu até as 17 horas.  A ação culminou com a lavratura de 13 autos de infração, que podem ainda evoluir para imposição de penalidade por descumprimento da legislação vigente. A inspeção relacionada a estas leis é permanentemente conduzida pelas equipes municipais de fiscalização e deve continuar por tempo indeterminado.

“Essas leis são vigentes há vários anos e, tanto os estabelecimentos comerciais quanto a população em geral, estão familiarizados com as mesmas e devem conscientizar-se mantendo o cuidado de cumpri-las como medida de resguardo à saúde pública e forma de evitar punições e penalizações previstas”, destaca Agnaldo Pedro Silva, gerente da Vigilância Sanitária de Rio Claro, referindo se às leis estaduais 14.592/2011 e 13.541/2009.

A ação contou com a participação de autoridades sanitárias dos três órgãos envolvidos na operação. Da Visa de Rio Claro, além do gerente Agnaldo, participaram Maurício Monteiro e Isabella Cardone; da equipe do Centro de Vigilância Sanitária do Estado participaram Juliana e Rita de Cássia; e do Gabinete de Vigilância Sanitária, participaram Rosana Elena e Alberto Buschinelli.

Juninho recebe motoristas do Uber

O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, recebeu em seu gabinete na manhã de segunda-feira (26) um grupo de motoristas do aplicativo Uber, solicitando à prefeitura flexibilidade em alguns pontos do decreto municipal que regulamenta a prática da atividade no município. O decreto do Executivo foi publicado em 11 de outubro de 2017.

Os motoristas, acompanhados dos vereadores Carol Gomes e Yves Carbinatti, levaram sugestões ao prefeito e falaram das dificuldades que estão enfrentando para se registrarem de acordo com o edital da prefeitura. “Este encontro se faz necessário para debatermos o que é bom para eles, motoristas, quanto para o município, sem que nenhum dos lados saia prejudicado”, explica Juninho. “Temos certeza de que ambas as partes querem realizar o seu trabalho de forma organizada e por isso a regulamentação se faz tão importante, pois quem ganha é o povo rio-clarense”, conclui.

O vice-prefeito e secretário de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana, Marco Antonio Bellagamba, sugeriu que os motoristas criem um grupo ou uma associação. “O ideal é que as sugestões sejam feitas por escrito para que o Departamento de Mobilidade Urbana e nosso jurídico possam analisar e verificar a possibilidade de alteração”, afirmou.

“Iremos estudar minuciosamente as reivindicações para que esse serviço atenda as necessidades da população em harmonia com outros serviços do setor”, explica Rodrigo Ragghiante, procurador geral do município.

Participaram também da reunião o diretor de Segurança, Luiz Alberto Irikura e o diretor de Mobilidade Urbana Adilson Marques.