Juninho pede rapidez nas soluções dos problemas do Jardim das Nações

Em reunião realizada na tarde desta sexta-feira (19) com representantes da Direcional, o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, pediu à empresa que se reorganize para dar maior agilidade na solução dos problemas que afetam as famílias do Jardim das Nações e Jardim das Nações 2. “O sonho não pode se tornar pesadelo”, afirma o prefeito Juninho da Padaria que por várias vezes foi pessoalmente ouvir os moradores e, no início da semana, se reuniu com os síndicos dos condomínios.

O prefeito Juninho solicitou à empresa que envie à prefeitura na próxima semana os documentos referentes aos dois conjuntos habitacionais, com o objetivo de fazer encaminhamento ao Ministério Público, à Câmara Municipal e aos representantes dos moradores. A prefeitura também está solicitando documentação ao Ministério das Cidades, responsável pelo programa Minha Casa Minha Vida, bem como ao Banco do Brasil, agente financeiro do empreendimento imobiliário.

Na reunião desta sexta-feira (19) o prefeito manifestou à empresa Direcional sua preocupação com as condições da área recreativa do Jardim das Nações, que também apresenta problemas. “As crianças precisam ter um espaço de lazer em plenas condições de funcionamento”, afirmou Juninho.

No início do mês um vendaval destelhou vários blocos do Jardim das Nações, que também já vinha recebendo manutenção em razão de outros problemas em diversos apartamentos. A prefeitura, por meio das secretarias de Obras e Habitação e a Defesa Civil, têm acompanhado de perto os serviços e cobrado da empresa Direcional as soluções necessárias. A Direcional confirmou que o conserto dos telhados, que já está em andamento desde o dia 4 de outubro, será concluído em no máximo 15 dias.

Guarda Municipal e Defesa Civil ganham novas viaturas

A prefeitura de Rio Claro está colocando em operação duas novas viaturas da Guarda Civil Municipal. A Defesa Civil também recebeu veículo igual, em substituição à uma perua Kombi ano 1982, que já não atendia às necessidades dos serviços.

Os três veículos zero quilômetro modelos Volkswagen Amarok representam investimento da ordem de R$ 600 mil, incluindo a instalação de equipamentos como GPS, rádio-comunicador, luzes, sirenes, compartimento de cela e pintura. “É um investimento que reforça nosso compromisso de tratar a segurança como uma de nossas prioridades”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

O secretário municipal de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário, Cel. Marco Antonio Bellagamba, lembra que as novas viaturas representam um reforço importante ao setor de segurança pública. “Nossos Guardas Municipais têm melhores condições de trabalho e a comunidade é quem ganha com isso”, ressalta, alertando à comunidade para o fato de que as novas viaturas estão padronizadas em novas cores: branca, azul e amarela.

“Queríamos ter feito esses investimentos antes, mas infelizmente não foi possível. Iniciamos o governo com dívidas e dificuldades financeiras que restringiram nossas ações. Somente agora, com orçamento próprio e planejamento, estamos conseguindo renovar a frota da Guarda Municipal que recebemos sucateada”, comenta o prefeito Juninho, agradecendo o empenho realizado pelos guardas municipais que fazem um bom trabalho para atender a comunidade.

Recentemente a prefeitura também entregou novo fardamento aos guardas municipais. Nesta semana, GMs participaram de treinamento para a utilização de aeronaves remotamente pilotadas, popularmente conhecidas como drones, adquiridos pela prefeitura como novos equipamentos nos serviços de segurança.

Desde o ano passado, a prefeitura vem realizando uma série de outras melhorias na estrutura de trabalho da GCM. Uma nova antena de rádio foi instalada para ampliar o sistema de comunicação na região rural. O treinamento do canil passou a ser feito no Lago Azul, foram oferecidos diversos cursos de treinamento, compra de munições, adesão ao Programa Detecta, ampliação do monitoramento de câmeras na área central e implantação das duas centrais de segurança integrada.

A chegada de duas novas viaturas, com todos os equipamentos, ocorreu na início da noite de sexta-feira (19) e foi acompanhada também pelo vereador Seron, pelo GM Acorsi e o diretor da Defesa Civil, Wagner Araújo. A terceira viatura entrará em circulação na próxima terça-feira.

Daae faz uso de drones para mapear áreas do “Projeto Nascentes”

Prefeitura realiza atividades didáticas em nascentes de Rio Claro.

Em parceria com a Defesa Civil, o Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae) de Rio Claro está incluindo o uso de aeronaves remotamente pilotadas, conhecidas como drones, no mapeamento das áreas do “Projeto Nascentes”, criado com o objetivo de recuperar e ampliar a proteção e conservação dos recursos hídricos em 10 nascentes da cidade por ano. “Com isso, temos um monitoramento atualizado com imagens aéreas de áreas que, em alguns casos são de difícil acesso”, explica o superintendente do Daae, Ricardo Pires de Oliveira.

O “Projeto Nascentes faz pare dos esforços do município pela conservação e preservação do meio ambiente, com foco no reflorestamento de nascentes com o plantio de mudas provenientes do viveiro da autarquia.

Além da Defesa Civil e Guarda Municipal, a prefeitura adquiriu os drones também para serem utilizados em setores como os de obras, trânsito e meio ambiente. “São ferramentas muito úteis para o município, agora temos mais segurança para monitorar locais que oferecem risco”, esclarece o diretor da Defesa Civil, Wagner Martins Araújo.

O “Projeto Nascentes” também faz parte da diretiva “Gestão das Águas”, do Programa Município Verde Azul (PMVA), do governo estadual, que pontua investimentos ambientais feitos pelos municípios. As cidades que atingem a pontuação necessária obtêm certificado e garantem prioridade na captação de recursos do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição (Fecop).

Além desta iniciativa ambiental, o Daae revitalizou toda a área do viveiro da autarquia, localizado na Estação de Tratamento de Água (ETA) 2, na estrada que liga o Distrito Industrial ao distrito de Ajapi, e fez a manutenção e troca de equipamentos, facilitando o trabalho dos funcionários e os cuidados com as mudas.

Atualmente, o viveiro do Daae conta com cerca de 3.200 mudas para pronta entrega de árvores nativas e frutíferas para plantio em Áreas de Preservação Permanente (Apps) e chácaras, sítios e fazendas no entorno de cursos d’água e nascentes para proteger os recursos hídricos contra erosão e assoreamento. Informações sobre doação de mudas pelo Daae podem ser obtidas pelos telefones 3531-5202 e 3531-5248, de segunda a sexta-feira das 8 às 11 horas e das 13 horas às 16h30.

Jardim Ipê terá interrupções de trânsito na manhã de domingo

Os motoristas devem ficar atentos ao transitarem pela região do Jardim Ipê, em Rio Claro, nesse domingo (21). Vários trechos estarão interditados para a realização de manifestação popular.

A Secretaria de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana informa que a interrupção será a partir das 9 horas. Estarão interditados os cruzamentos da Rua 3-A com a Avenida 50-A (sentido Avenida Felício Castellano); Rua 3-A com a Avenida 38-A; Rua 4-A com as avenidas 40-A e 42-A; Avenida 44-A com a Rua 4-A; e Avenida 44-AB com a Rua 5-A. A concentração será na praça do jardim Ipê, na Rua 3-A com a Avenida 42-A. A manifestação será finalizada em área de lazer na Rua 3-A na altura da Avenida 52-A.

O trânsito será liberado assim que os manifestantes tiverem percorrido o trecho interditado.

Reforma da USF do Palmeiras prossegue com troca de telhado e reparos na estrutura

A reforma da Unidade de Saúde da Família do Jardim das Palmeiras já começou e prossegue como parte do cronograma de obras da prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, com o objetivo de recuperar a estrutura de unidades de saúde para dar melhor acolhimento à população.
Além dos reparos internos na estrutura da unidade, o prédio recebeu novas telhas e deverá ganhar também nova pintura. “Aquela unidade de saúde que encontramos no início do nosso governo com pintura descascada e inúmeras goteiras será coisa do passado. Em breve, entregaremos essa unidade à população do Palmeiras e demais bairros completamente reformada, mostrando o nosso compromisso com o bom atendimento de saúde à população”, afirmou o prefeito de Rio Claro João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.
Vale lembrar que em nenhum momento foi prejudicado o atendimento à população dos bairros atendidos pela unidade do Jardim das Palmeiras desde que a secretaria de Saúde decidiu fechar temporariamente a unidade para as reformas. “Do jeito que estava, não havia condições de nossas equipes trabalharem. As pessoas passaram a receber esse atendimento na USF do Jardim Brasília, até que se conclua a reforma”, explica o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco.
A reforma da USF do Palmeiras “Dr Gilson Giovanni” faz parte do cronograma de obras da prefeitura com o objetivo de recuperar a estrutura de unidades de saúde para dar melhor acolhimento à população. Os serviços estão estimados em quase de R$ 200 mil.
O vereador Julio Lopes foi quem trabalhou para a obtenção dos recursos para essa obra junto ao Governo Federal, por intermédio do deputado federal Guilherme Mussi. “A reforma no Jardim das Palmeiras era uma antiga reivindicação da comunidade que levamos ao prefeito e trabalhamos para conseguir recursos financeiros para realização da obra. É mais um serviço importante que a cidade recebe no setor de saúde”, comentou o vereador.
Entre as melhorias na Rede de Atenção Básica da Saúde municipal,  destaca-se ainda a inauguração de três unidades de saúde da família nos bairros Santa Elisa, Jardim Progresso e Mãe Preta/Vila Verde, além do Espaço Mais Saúde  que em um ano de implantação já registrou mais de 24 mil atendimentos em consultas, exames e cirurgias a pessoas que há anos estavam na fila de espera. A prefeitura também já está tomando as providências para iniciar a reforma da Unidade Básica de Saúde do Wenzel.

Centro Cultural tem espetáculo de dança na quinta

O grupo de dança Contratempo leva ao público nesta quinta-feira (25) o espetáculo “Das telas para o palco”, no Centro Cultural Roberto Palmari, em Rio Claro. O início está marcado para as 21 horas e a entrada é gratuita.

No espetáculo, o Contratempo, grupo de extensão universitária da Unesp de Rio Claro, apresenta seu número de dança criado a partir de clássicos do cinema. Entre os filmes representados estão Moulin Rouge, Star Wars e Flashdance. A atividade tem o apoio da Secretaria Municipal da Cultura.

Na terça-feira (23) o grupo ministra aula de dança aberta ao público, também com entrada gratuita. Para participar basta comparecer ao Centro Cultural às 18h30. As atividades são realizadas a partir de convênio com Unesp e Santander.

Orquestra Caipira apresenta clássicos sertanejos na Unesp

Rio Claro tem na quinta-feira (25) apresentação da Orquestra Caipira, que promete levar ao público o melhor da música regional e caipira ao som da sanfona e outros instrumentos, como violão, viola caipira e percussão. O evento será às 20 horas na biblioteca da Unesp e tem entrada gratuita. A Unesp fica na Avenida 24-A, 1.515, Bela Vista.

A realização é da prefeitura, por meio da Secretaria da Cultura. “É um espetáculo que valoriza a música caipira e possibilita o resgate desta tradição cultural”, destaca Daniela Ferraz, secretária da Cultura.

A Orquestra Caipira traz para este espetáculo seu grupo de sanfoneiros com um trabalho totalmente instrumental onde as sanfonas relembram composições aclamadas pelo público.  Por meio da beleza do som, o intuito é levar a plateia a uma viagem no tempo, remetendo-a a vida no campo. No repertório estão músicas como “Saudade de Matão” e “Cana Verde”, de Tonico e Tinoco, “Festa na Roça”, de Mario Zan, “Asa Branca”, de Luis Gonzaga, “Mercedita”, de Ramon Sixto Ríos, entre outras versões de grandes clássicos da música regional, sertaneja e raiz.

O grupo é composto por 15 músicos tocando instrumentos diversos, com destaque para a sanfona. A orquestra é dirigida por Ivone Vigatto, Thiago Xavier e Welton Nadai, sendo a Lumiar-te instituição mantenedora.

A apresentação tem apoio de Result Contabilidade e Solar das Artes Escola de Música. A promoção do evento fica por conta da Associação Cultural Lumiar-Te, Circuito do Violão e Aline Pinton Produções.

Comunidade aprova espaço de recreação infantil na Praça Dalva

O novo espaço de recreação infantil construído pela prefeitura de Rio Claro na Praça Dalva de Oliveira está fazendo a alegria das crianças e conta com aprovação da comunidade. “O parque é ótimo, a ideia foi muito legal”, elogiou Beatriz Iris Ferreira que levou as filhas gêmeas Melissa e Valentina, de um ano e nove meses, para brincar no parque nesta sexta-feira (19). “Elas adoraram os brinquedos que são ótimos e não machucam”, acrescentou.

As crianças também gostaram da novidade. “Adoro parque, e esse é muito ‘da hora’”, afirmou o pequeno Eduardo Davi Rodrigues dos Santos, de seis anos. Seu colega de brincadeiras, Iuri da Silva Romeu, de 7 anos, também manifestou aprovação. “Está muito bonito e estou gostando muito”, declarou.

O espaço de recreação infantil faz parte da revitalização da praça, que fica na Rua 14 esquina com a Avenida Tancredo Neves, no Jardim Claret. Além do espaço de recreação infantil, as melhorias providenciadas pelo governo municipal incluem ampliação da iluminação pública, troca de paisagismo, poda de árvores, limpeza e colocação de bancos, além de recapeamento e intervenções no sistema viário da região. Essas ações foram realizadas por meio de parceria entre a prefeitura e a empresa Caprem Construtora.

“As famílias podem usufruir da praça e as crianças utilizarem os brinquedos com segurança”, declarou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, enaltecendo o trabalho conjunto do poder público com a iniciativa privada. “Parcerias como essa beneficiam a comunidade”, destacou.

O presidente da Câmara Municipal, André Godoy, salientou a importância da lei de contrapartida. “Através da contrapartida o poder público pode implantar melhorias nos bairros e beneficiar a população”, disse. “As dificuldades são grandes e sem essa colaboração não teríamos conseguido realizar essas benfeitorias”, reforçou o secretário municipal de Obras, Paulo Roberto de Lima.

A transformação do espaço em benefício da população foi destacada por Francesco Rotolo, secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento. O gerente comercial da Caprem Construtora, João Chinelato, informou que a revitalização da praça faz parte do compromisso social da empresa. “É gratificante entregar essa obra de grande utilidade para a população”, afirmou.

A ideia de criar o espaço de recreação infantil na Praça Dalva de Oliveira foi sugerida por Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social de Solidariedade, que participou da inauguração nesta sexta-feira (19). Também participaram do evento o vice-prefeito e secretário de Segurança, coronel Marco Antonio Bellagamba; os secretários municipais Ronald Penteado (Esportes e Turismo), Érica Belomi (Desenvolvimento Social) e Adriano Moreira (Educação); os superintendentes Monica Frandi Ferreira (Arquivo Público) e Ricardo Pires de Oliveira (Daae); o chefe de Gabinete da prefeitura, Ricardo Naitzke; os vereadores Adriano La torre e Júlio Lopes; pastor Macman, da Casa de Oração Missão Divina; e crianças dos projetos sociais do Jardim das Flores e Jardim Brasília.

Autoridades destacam importância da tecnologia para a segurança

Os benefícios da tecnologia e a importância do trabalho integrado do poder público no atendimento à população foram destacados durante o encerramento do primeiro Curso Básico para Operações com Sistemas de Aeronaves Remotamente Controladas, popularmente conhecidas como drones. Vinte e quatro formandos concluíram o curso e receberam certificados. O evento, realizado sexta-feira (19) na Secretaria Municipal de Segurança de Rio Claro, reuniu representantes da prefeitura, Câmara Municipal, Guarda Civil Municipal, polícias e bombeiros. “É uma satisfação muito grande ver a união de todos e poder afirmar que Rio Claro se destaca por incluir esse tipo de tecnologia no serviço público, especialmente na área de segurança”, disse o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

O vice-prefeito e secretário Municipal de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário, Cel. Marco Antonio Bellagamba, frisou as melhorias que o município vem conquistando desde o ano passado. “Mesmo com as muitas dificuldades, a prefeitura tem conseguido vários avanços e o uso de drones é um deles, pois vai contribuir enormemente para os trabalhos da área municipal de segurança”, disse, reforçado a necessidade de união de esforços na busca de resultados positivos para a cidade.

Responsável por requerimento solicitando a utilização de drones pelo município, o vereador Ruggero Seron também participou do evento e observou que a prefeitura tem feito o correto em benefício da comunidade. “Quando apresentei o requerimento, a partir de ideia de um guarda civil municipal, fui prontamente atendido pelo prefeito Juninho”, destacou. “Essa tecnologia é uma ferramenta fundamental no combate ao crime”, afirmou.

O encerramento do curso também contou com a presença do delegado seccional Paulo Nabuco; do subtenente Itamar Rogério Faria do Corpo de Bombeiros; do comandante Fábio Nóbrega, da Polícia Ambiental; do 1º sargento Robson Alexandre Boeck, chefe de instrução do Tiro de Guerra; do professor Marcelo Camacho, do Instituto Federal de Educação; do secretário municipal de Meio Ambiente, Ricardo Gobbi e Silva; do comandante da Guarda Civil Municipal, Luis Fernando Bueno de Godoy; e do diretor da Defesa Civil de Rio Claro, Wagner Martins Araújo.

O primeiro curso básico para operações com drones começou na segunda-feira (15) e teve atividades teóricas e práticas. Guardas civis municipais, agentes da Defesa Civil, bombeiros, policiais militares, civis e ambientais participaram do curso, organizado pela prefeitura, que adquiriu os equipamentos para serem utilizados em vários setores além da Defesa Civil e Guarda Municipal, como obras, trânsito e meio ambiente.

Campanha mostra importância do diagnóstico precoce para cura da hanseníase

A Secretaria Municipal de Saúde de Rio Claro integra desde o dia 15 de outubro a Campanha Estadual de Prevenção à Hanseníase.

A ação visa alertar as pessoas sobre a importância do diagnóstico precoce da doença. Além do tratamento precoce como condição essencial para a cura da doença, o diagnóstico precoce também rompe a cadeia de transmissão e evita sequelas causadas pela doença. A campanha vai até 31 de outubro em todas as unidades básicas de saúde e unidades de saúde da família. As ações desenvolvidas pela Rede de Atenção à Saúde e instituições parceiras incluem ainda busca ativa nas casas, realização de exame físico para detecção de casos. Nesse encontro com os pacientes os agentes de saúde perguntam aos usuários sobre a presença dos sintomas e orientações para o início imediato do tratamento em casos positivos.

A gerente da Vigilância Epidemiológica, Dinorá Santos, explica que todas essas atividade de prevenção à hanseníase são realizadas continuamente por profissionais de saúde. “Durante a campanha há uma intensificação dessas ações para a detecção de novos casos”, informa Dinorá.

Qualquer pessoa pode procurar a unidade de saúde de sua preferência e solicitar uma avaliação.

Em Rio Claro atualmente estão sendo tratados pelo Ambulatório de Especialidades 10 pacientes, que ao final receberão a cura. As vagas para as consultas encaminhadas pelos serviços de saúde são de livre demanda.

É preciso estar alerta aos sinais como manchas na pele de cor variada (esbranquiçadas, avermelhadas ou acastanhadas) com perda de sensibilidade, pele seca e queda de pêlos, dor, sensação de choque e “fisgadas” ao longo dos nervos dos braços e pernas e diminuição da força muscular. Podem ainda aparecer nódulos (caroços) dolorosos por várias partes do corpo.

O tratamento é realizado somente pelo SUS, é gratuito, podendo durar de 6 a 12 meses conforme cada caso.

A Hanseníase, conhecida popularmente como lepra, ainda é um problema de saúde pública em diversas partes do mundo. Três países com grandes populações como Índia, Brasil e Indonésia notificam mais de 10 mil casos novos anualmente. Juntos, representam 81% dos pacientes recém diagnosticados e notificados no mundo, segundo os dados do estudo “Estratégia Global Para Hanseníase (2016-2020)”.

A hanseníase é uma doença infecto-contagiosa, causada por uma bactéria (M. leprae) que atinge principalmente a pele e os nervos, causando a diminuição ou perda de sensibilidade. A transmissão se dá pelo contato direto e prolongado com a pessoa doente sem tratamento, que elimina o bacilo pelas vias aéreas superiores (tosse, fala e espirro). As pessoas que convivem ou conviveram com o doente sem tratamento, também devem passar por avaliação com profissional de saúde.

Importante salientar que após o início do tratamento, a pessoa deixa de transmitir a doença sendo desnecessário o isolamento, ou seja, pode conviver normalmente com os contatos sociais.

Os sinais e sintomas mais comuns são as manifestações dermatológicas e neurológicas que sem tratamento adequado e precoce pode causar incapacidades físicas e deformidades.

É importante apoiar as pessoas doentes, incentivando o tratamento até a cura e manter um bom convívio quebrando os preconceitos.