Rio Claro busca apoio estadual para pista de atletismo na Unesp

Prefeito de Rio Claro e diretor da Unesp pediram recursos em secretaria do governo paulista.


Cláudio José Von Zuben, Ricardo Anido, Juninho da Padaria e Patrícia Ellen da Silva.

O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e o diretor do Instituto de Biociências da Unesp, Cláudio José Von Zuben, consideraram bastante positiva a reunião que tiveram quinta-feira (11) em São Paulo com Patrícia Ellen da Silva, secretária de estado de Desenvolvimento Econômico, para solicitar recursos que poderão viabilizar uma pista de atletismo para competições de alto rendimento à Unesp de Rio Claro.

“Este é um pleito antigo para beneficiar não só o mundo acadêmico, mas toda a comunidade de Rio Claro e região”, observa o prefeito Juninho, acrescentando que “a Unesp é um patrimônio de nossa cidade e tem se colocado como parceira da prefeitura para as demandas da comunidade”.

No mês passado, Juninho e Von Zuben trataram do assunto em Brasília, em reunião com o deputado federal Geninho Zuliani e na Secretaria Especial de Esportes. “Estamos trabalhando com a expectativa de que estes recursos sejam liberados, o que certamente será muito importante para a Unesp e toda a comunidade da região de Rio Claro”, afirma o deputado Geninho.

O projeto tramita no governo federal desde 2013, mas estava parado. Do governo federal são R$ 8,5 milhões e, do governo estadual, R$ 971 mil. Não há participação financeira do município. O pedido feito em São Paulo é para que o governo estadual libere os recursos referentes à contrapartida no projeto.

O professor Von Zuben lembra que o curso de Educação Física da Unesp existe desde 1984 e que hoje são dois programas de pós-graduação e muitas pesquisas em andamento. “Uma pista neste padrão certamente ampliaria muito nossa infraestrutura”, observa, ressaltando que o trabalho do prefeito Juninho tem sido importante para buscar os recursos. Von Zuben avalia que a pista de atletismo também seria importante para os planos da Unesp de estabelecer parceria com o Instituto Olímpico Brasileiro, conforme proposta feita recentemente pelo instituto.

Da reunião em São Paulo também participaram Danilo Fernandes, assessor técnico da secretaria estadual, e Ricardo Anido, coordenador de ensino superior da secretaria estadual.

População idosa de Rio Claro ganha lazer e novos serviços

Com 74 grupos de terceira idade, cidade tem mais de 13% da população acima dos 60 anos.

As estatísticas apontam cada vez mais para o envelhecimento da população brasileira. O município de Rio Claro segue essa tendência e, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, mais de 13% da população rio-clarense tem idade acima de 60 anos. Para colaborar com o envelhecimento ativo e saudável dos rio-clarenses, a prefeitura tem ampliado as ferramentas de atendimento ao idoso, facilitando seu acesso aos serviços públicos e proporcionando atividades que mantenham saudáveis corpo e mente.

“Temos cadastrados 74 grupos de terceira idade, com os quais mantemos contato para que possamos atendê-los cada vez melhor”, observa Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social de Solidariedade.

Na quinta-feira (11), dezenas de idosos participaram na Philarmônica de bingo beneficente, que teve arrecadação destinada ao trabalho social do município. “Além de possibilitar a confraternização, o evento promove a solidariedade”, acrescenta Paula. Quem participa aprova a iniciativa. “A causa é muito nobre e aproveitamos para nos divertir”, diz Inês Novaes. Os brindes foram oferecidos por comerciantes do município.

Entre as iniciativas da prefeitura para oferecer qualidade de vida aos idosos, está o Núcleo de Atendimento ao Idoso, inaugurado no ano passado e que abriu um novo canal de comunicação entre poder público e população. No local os idosos recebem informações relacionadas aos serviços disponíveis no município. “O núcleo hoje é uma referência onde os idosos podem buscar ajuda sempre que precisam”, afirma Néia Magalhães, assessora de Políticas Públicas para Idosos. Entre os atendimentos estão alguns casos mais graves, envolvendo denúncias de maus tratos e violência doméstica.

E o município se mostra atento a este problema. Na semana que vem, a prefeitura irá lançar a Patrulha do Idoso, serviço voltado à proteção, prevenção e conscientização da sociedade contra todo tipo de violência contra o idoso. O trabalho será realizado pela Guarda Civil Municipal a partir denúncias recebidas, inclusive pelo Núcleo de Atendimento ao Idoso. “Estamos atentos às demandas da população idosa e trabalhando para que cada vez mais tenham qualidade de vida e recebam o carinho e respeito que merecem”, afirma o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

Sábado tem evento de adoção de cães adultos no Jardim Público

Estão sendo colocados para adoção cinco fêmeas e cinco machos, todos vacinados, vermifugados e castrados.

A prefeitura de Rio Claro realiza no sábado (13), das 10 às 13 horas, mais um evento de adoção de animais, em frente ao coreto do Jardim Público, no Centro. Dez cães adultos, cinco fêmeas e cinco machos, estarão disponíveis para adoção, todos vacinados, vermifugados e castrados. O evento é organizado pelo Canil Municipal, vinculado ao departamento de Proteção Animal (DPA) da Secretaria do Meio Ambiente.

Os interessados em adotar os cães devem apresentar documento pessoal e comprovante de endereço para equipe do DPA visite a casa do adotante, verificando se o local tem condições de abrigar o animal de estimação. “Essas vistorias são determinantes para que as adoções sejam feitas, os animais precisam de lares adequados”, explica o secretário de Meio Ambiente, Ricardo Gobbi.

Além da adoção, a atividade de sábado no Jardim Público terá orientações sobre o conceito de posse responsável. “Toda adoção deve ser feita com muito planejamento para não resultar em abandonos”, comenta Giselle Pfeifer, diretora do Departamento de Proteção Animal.

Também haverá um brechó realizado pelos grupos de proteção animal “Matilha SRD”, “Afeto Pet” e “Os Vira-Latas”.

Canil municipal

Outros animais estão à espera de um lar no canil municipal de Rio Claro, que abriga cerca de 130, cães e gatos, filhotes e adultos, todos vacinados e vermifugados. Os animais adultos são castrados.

Localizado na Avenida das Indústrias, sem número, no Distrito Industrial, o canil municipal abre de segunda a sexta-feira das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas, e aos sábados, das 8 às 12 horas. Aos domingos e feriados as visitas são feitas somente mediante agendamento pelo telefone 3532-4115, em horário comercial.

Os animais podem ser vistos pela internet, na página www.facebook.com/canilrioclaro e no perfil @canilrioclaro no Instagram.

Projeto musical na Praça Dalva anima mais uma noite de domingo

O cantor Amauri mais uma vez será a atração principal para animar a noite de domingo, na Praça Dalva de Oliveira. No próximo dia 14 de abril, a partir das 19 horas, o músico vai embalar a noite do público com repertório variado e dançante. O retorno do projeto musical na Praça Dalva é uma iniciativa da Prefeitura de Rio Claro, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Turismo (Setur).

No repertório musical de Amauri Tom Livre o público irá conferir canções como “Somos Iguais”, “Nem às Paredes Confesso”, “Ave Maria do Morro”, “A Volta do Boêmio”, “Sampa”, “Tarde em Itapuã”, “Trem das Onze”, “Saudosa Maloca”, “Nosso Xote” e “Esperando na Janela”. Além disso, uma especial seleção de músicas que fizeram e fazem sucesso na voz do rei Roberto Carlos: “Esse cara sou eu”, “Detalhes”, “Emoções”, “Além do Arco-Íris” e “Chegaste”, entre outras.

A Praça Dalva presta homenagem à cantora rio-clarense Dalva de Oliveira, uma das rainhas do rádio considerada a Rainha da Voz e também o “rouxinol brasileiro”. As apresentações musicais no local são realizadas todos os domingos, gratuitamente, das 19h às 21 horas. A praça fica na Avenida Tancredo Neves com Rua 14.

Linha de ônibus São Miguel terá alteração de trajeto a partir de domingo

Alteração será implantada em caráter experimental e poderá sofrer ajustes.

Quem utiliza o ônibus da linha São Miguel do transporte coletivo urbano deve ficar atento. A partir de domingo (14) haverá alteração de trajeto da linha no sentido bairro-centro. “A mudança será feita para atender usuários que residem no Condomínio Jasmim e moradores do entorno”, explica o diretor municipal de Mobilidade Urbana, Adilson Marques.

Com a alteração, o itinerário do terminal urbano para o São Miguel será: Rua 1, Avenida 24, Avenida 24-A, Rua 12-A, Rua 10-A, Avenida Joaquim Ribeiro, Rua 8-A, Avenida 58-A, Rua 9-A, Rua 10-JB, Estrada Manancial da Vila Cristina, Rua 11-A, Avenida 48-A, Rua 15-A, Avenida 52-A, Rua 14-A, Rua 14-JB, Rua 4-JB, Rua 1-JB, Avenida 64-A, Anel Viário, Avenida 62-A, Rua 18-A, Avenida 68-A, Anel Viário, Avenida dos Estudantes e Avenida 1-VI (Vila Industrial – ponto final).

A mudança será realizada em caráter experimental por 30 dias e, nesse período, poderá sofrer ajustes conforme a necessidade. “Caso não ocorram modificações ou a alteração se mostrar satisfatória, passados os 30 dias ela será definitiva”, informa Marques, ressaltando que cabe à concessionária de transporte coletivo fazer a divulgação dos horários e dos itinerários à população.

Festival de natação da Setur reúne grande público

Na manhã de sábado, 6 de abril, a Prefeitura de Rio Claro, por intermédio da Secretaria Municipal de Esportes e Turismo (Setur), promoveu a IV edição do Festival de Natação Interno, que contou com a participação de mais de 100 crianças. A atividade foi marcada pela alegria e entusiasmo por parte dos participantes e pela satisfação dos familiares presentes.

O festival ocorrido no sábado contou com a participação de crianças de cinco a 17 anos de idades dos pólos localizados naPiscina Olímpica Municipal “Hertha Koelle”, Unesp Rio Claro e nos Centros Sociais Urbanos Niazi Hussni, João Redher Neto e Mitiko Nevoeiro.

“Parabenizo todos os envolvidos na realização do festival e, principalmente, as crianças e familiares que estiveram presentes, participaram e prestigiaram a atividade, que foi uma excelente integração entre os alunos”, comenta o titular da Setur, Ronald Penteado.

O diretor de Esportes, Vinícius Sossai, destaca a importância da atividade. “É um momento de integração que reúne grande quantidade de crianças que participam das aulas e no festival puderam demonstrar aos familiares e público em geral a evolução do aprendizado”, pontua.

Além da integração entre os pólos, o festival marcou também o encerramento das atividades durante o verão. As aulas na piscina municipal serão encerradas no dia 17 de maio e retornam em setembro, por conta das baixas temperaturas registradas no período.

Livro “Diferentes porém iguais” está disponível nas bibliotecas públicas

Interessados poderão conferir a obra escrita e ilustrada por crianças de projetos sociais.

“Diferentes porém iguais” é o nome do livro lançado na terça-feira (9) em Rio Claro. Os textos e ilustrações da obra foram feitos por crianças e adolescentes atendidos pelos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) oferecidos pela prefeitura e também por entidades parceiras do município. O livro traz histórias e relatos escritos pelas crianças e jovens, com base em suas experiências de vida. A obra não será comercializada, mas os interessados em conferir o trabalho das crianças poderão ter acesso ao livro nas bibliotecas públicas municipais e também no Arquivo Público e Histórico do município.

O livro foi organizado pela prefeitura, através da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social, com apoio de organizações da sociedade civil. Os autores são crianças e jovens do SCFV Jardim Bandeirantes, Projovem, SCFV Jardim Brasília, SCFV Jardim das Flores, Agência Adventista de Recursos Assistenciais Central Brasileira (Adra), Aldeias Infantis SOS Brasil, Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Centro Social e Esportivo Claretiano Terra Nova, Educandário Santa Maria Goretti, Núcleo Artevida Associação Beneficente, Sociedade Beneficente São João da Escócia e União de Amigos (Udam).

“Foi gratificante realizar esse trabalho e ver o sorriso nos rostos das crianças. É algo que vai marcar esses jovens para o resto de suas vidas”, destaca a secretária municipal do Desenvolvimento Social, Érica Belomi, uma das organizadoras do livro, trabalho realizado em parceria com Rita de Cássia Dalla Costa Godoy Lima, diretora do Departamento de Gestão Integrada do Suas, e Viviane Cristina Geraldo, gerente de Proteção Social Básica.

A publicação foi feita dentro do projeto “Como nasce um livro”, da editora Adonis, que também fez revisão de textos e projetos editorial e gráfico. O livro está registrado na Biblioteca Nacional, como é feito com as demais publicações.

Centenas de pessoas participaram do lançamento do livro no Centro Cultural “Roberto Palmari”. Familiares, autoridades, representantes das entidades e profissionais do setor foram prestigiar o trabalho desenvolvido pelas crianças. “Agradeço o empenho e o trabalho realizado pelas equipes da secretaria e das entidades para viabilizar a obra, bem como o apoio dos pais e familiares dos autores”, destacou Érica Belomi.

O vice-presidente da Udam, Adriano Marchi, enfatizou a importância do trabalho desenvolvido com as crianças. O ex-deputado Aldo Demarchi elogiou o trabalho desenvolvido pela prefeitura e entidades. “As crianças de hoje são o futuro do amanhã e, por isso, o poder público deve ter um olhar voltado para o social”, frisou.

Também participaram do lançamento Daniel Buchdid, diretor municipal dos Programas Complementares e presidente dos conselhos municipais da Criança e do Adolescente e da Assistência Social; Augusto Pedro Prochnon Júnior, presidente da Casa das Crianças; Ruy Philadelpho Machado Filho, presidente da Apae; Candinha Demarchi, ex-secretária municipal; e os vereadores Adriano La Torre e Geraldo Voluntário.

Prefeitura pavimenta acesso à nova ponte do Jardim Novo

Revitalização da área da ponte tem melhorias para ampliar segurança de motoristas e pedestres.

A prefeitura de Rio Claro está pavimentando o acesso à nova ponte de madeira em construção no Jardim Novo, obra que inclui ampla revitalização do trecho para maior segurança dos motoristas e pedestres. “Estamos fazendo muito mais que apenas recuperar a ponte, vamos entregar uma série de melhorias que reafirmam a atenção que nosso governo dedica aos bairros mais afastados do Centro”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

“Aproximadamente 30 metros de cada lado da ponte estão sendo pavimentados e adequados à altura das cabeceiras da nova estrutura”, explica o secretário municipal de Obras, Paulo Roberto de Lima. Para isso, o piso asfáltico nesses trechos está ficando cerca de 40 centímetros mais alto. De acordo com o diretor do departamento municipal de Obras Públicas, Válter Godoy, a pavimentação será concluída nesta semana no trecho do Jardim Novo e na semana que vem será iniciado no outro lado da ponte, no bairro Terra Nova. “Será mais trabalhoso daquele lado, pois será necessário fazer quebra e posterior recomposição de calçadas”, informa.

A prefeitura também já providenciou adaptações necessárias para o escoamento de água das chuvas e duas lombadas que são essenciais para a organização do trânsito, uma vez que a nova ponte tem passarela para pedestres e haverá aumento do uso de transeuntes. Por isso, também foi colocada nova faixa de pedestres e está sendo feito reforço na sinalização ao longo da Avenida 14JN. O local recebeu ainda oito braços duplos de iluminação, ampliando a segurança e plantio de ipês amarelos.

Prefeitura prossegue com operação tapa buracos em vários pontos da cidade

Equipes estão trabalhando inclusive aos finais de semana.

A prefeitura de Rio Claro prossegue com os trabalhos de tapa buracos em vários pontos da cidade, que tem aproximadamente 700 quilômetros de vias públicas. Quatro equipes se dividem para fazer manutenções na pavimentação asfáltica seguindo cronograma que prioriza locais com grande fluxo de veículos e também os casos mais graves. Com a chegada do outono, período mais seco com menos chuvas, a operação foi intensificada. O serviço está sendo realizado inclusive aos sábados, conforme determinação do prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

“Estamos atuando em vários bairros ao mesmo tempo visando melhorar os trechos mais críticos das ruas dessas localidades”, explica o secretário municipal de Obras, Paulo Roberto de Lima, ressaltando que por ter uma malha asfáltica antiga, Rio Claro sente bastante os efeitos das chuvas. “Estamos atentos e trabalhando para minimizar eventuais transtornos causados à população”, acrescenta.

Nesta quinta-feira (11), equipes executaram serviços de tapa buraco em trechos da Rua 1 e Avenida 6 no Jardim Centenário. Trabalho também realizado na região central da cidade, na Rua 8, entre as avenidas 1 e 3. No Jardim das Palmeiras, foram atendidos trechos das ruas 12 e 13, e na Rua 14, da Via da Saudade em direção à Avenida 40, completando o serviço já realizado na mesma via, da Avenida Presidente Kennedy até a Via da Saudade.

“Nossas equipes estão dando maior agilidade nesses serviços, com utilização de massa quente e massa fria na execução dos trabalhos”, informa Carlos Eduardo Manfrinatti, diretor da Facua (Fábrica de Artefatos de Concreto e Usina de Asfalto).

O diretor informa ainda que a prefeitura faz implantação de guias e sarjetas na Rua 17 no Recanto do Paraíso e recomposição asfáltica na Avenida 14, no Jardim Novo, onde está sendo realizado trabalho de recuperação de ponte e outras melhorias.

Além de intensificar a operação tapa buracos, o município também busca recursos para recapear ruas e avenidas. A prefeitura tenta obter dinheiro a fundo perdido junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional para realizar obras de pavimentação de bairros e recapeamento asfáltico. Além disto, a prefeitura também pretende conseguir autorização da Câmara Municipal para realizar financiamento de R$ 60 milhões para obras e serviços, sendo R$ 20 milhões exclusivamente para recapeamento asfáltico.

Vale ressaltar que o serviço de tapa buracos também é realizado pelo Daae (Departamento Autônomo de Água e Esgoto), que intensificou o fechamento de buracos abertos para reparos na rede de distribuição de água. O trabalho é executado por equipe própria da autarquia e por empresa contratada para fazer o serviço. Nos primeiros 30 dias de trabalho, a empresa fechou mais de 360 buracos em vários pontos da cidade.