Reunião do asfalto será na Vila da Paz na terça-feira

Prefeitura busca apoio da população para aprovar financiamento para obras.

A próxima discussão sobre a pavimentação asfáltica nos bairros será realizada na Vila da Paz, às 19h30, na terça-feira (21). Moradores daquela localidade vão se reunir para discutir esse e outros assuntos de interesse da comunidade. A reunião ocorrerá em via pública e a população está convidada a participar. A iniciativa faz parte dos esforços da prefeitura para viabilizar financiamento de R$ 60 milhões para investir em asfalto, recapeamento, saúde e Daae. A obtenção do dinheiro depende de aprovação dos vereadores.

Essa será a quarta reunião promovida pela prefeitura e a quinta será na quarta-feira (22) na Chácara Lusa. A terceira foi realizada na quinta-feira (16) no distrito de Assistência. A discussão já ocorreu nos bairros Jardim Nova Rio Claro, Jardim Paulista I, Jardim Nova Veneza e Jardim Maria Cristina, com sinalização positiva dos moradores que aceitam pagar pelo asfalto.

No distrito de Assistência, a situação não é diferente. “O asfalto é muito importante e uma necessidade”, comenta Valquiria da Silva Santos, cujo pai tem propriedade no distrito há 25 anos. De acordo com ela, além do pavimento é preciso também arrumar desnível do solo e providenciar o escoamento da água das chuvas.

O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, participou da reunião com secretários municipais e vereadores, e anunciou algumas melhorias para o distrito, como instalação de novo playground e uma câmera de monitoramento para o setor de segurança, serviços que serão feitos com contrapartida de um loteamento. Ele lembrou que assumiu a prefeitura com R$ 380 milhões em dívidas e sem certidões (CND e CRP), e não há planejamento que se sustente sem dinheiro. Pagamentos e investimentos foram feitos, porém, no momento a prefeitura não tem condições de asfaltar os bairros com recursos próprios.

“Temos que discutir o assunto diretamente com a população que vive na poeira e na lama por falta de asfalto no bairro, por isso estou pedindo o apoio de vocês”, afirmou Juninho, reforçando que somente o asfalto novo será cobrado dos moradores diretamente beneficiados pela melhoria. “Quando era vereador eu votei a favor de financiamento para resolver o problema das enchentes no Jardim Inocoop”, lembrou.

Ao se dirigir aos moradores, o presidente da Câmara Municipal, vereador André Godoy, manifestou satisfação em poder fornecer informações e esclarecer dúvidas sobre o projeto de financiamento. “A lei de contribuição de melhoria não é nova e já foi utilizada antes. Como vereadores e representantes da sociedade, é nosso papel estarmos aqui para ouvir, dar explicações e falar a verdade”, declarou.

Também participaram da reunião o vice-prefeito e secretário de Segurança, Marco Antonio Bellagamba; os vereadores Irander Augusto, Rafael Andreeta, Júlio Lopes, Hernani Leonhardt, Ney Paiva, Geraldo Voluntário e Paulo Guedes; e o subprefeito de Assistência, Paulo Maule.

Rua 3-A terá interdição de trânsito na segunda-feira

Interrupção será das 8 ao meio dia.

Os motoristas devem ficar atentos ao trafegarem pela Rua 3-A na segunda-feira (20) em Rio Claro. Dois trechos da via no sentido centro-bairro estarão interditados das 8 às 12 horas.

Serviços de trânsito serão realizados na Rua 3-A entre as avenidas 32-A e 34-A e também na Rua 3-A entre as avenidas 78-A e 80-A.

Na terça-feira (21) a interdição será na Avenida Felício Castelano entre avenidas 62-A e 64-A, sentido centro-bairro; Avenida 54 entre ruas 22 e 23 nos dois sentidos; e Rua 6 entre avenidas 36 e 34, sentido bairro-centro. 

Repertório variado marca apresentação musical na Praça Dalva de Oliveira

Apresentações musicais são realizadas aos domingos, das 19 às 21 horas.

No domingo (19) será realizada mais uma apresentação musical na Praça Dalva, a partir das 19 horas, com acesso aberto ao público. O cantor Amauri mais uma vez será a atração da noite com um repertório recheado de canções da melhor qualidade. O retorno do protejo musical na Praça Dalva é uma iniciativa da prefeitura de Rio Claro, por meio da Secretaria Municipal dos Esportes e Turismo (Setur).

A Praça Dalva de Oliveira é um dos locais de referência em lazer de Rio Claro, sendo que presta homenagem a uma das maiores cantoras do Brasil, a rio-clarense Dalva de Oliveira, chamada de “O rouxinol do Brasil”.

As apresentações musicais são realizadas todos os domingos, gratuitamente, das 19 às 21 horas. A praça fica na Avenida Tancredo Neves com Rua 14.

Rio Claro conquista medalha de ouro no tênis pela 23ª edição dos Jogos Regionais do Idoso

A 23ª edição dos Jogos Regionais do Idoso termina no próximo domingo (19), em São João da Boa Vista, onde reúne atletas da terceira idade de aproximadamente 50 cidades da 4ª região administrativa do Estado de São Paulo. E Rio Claro prossegue representado na competição com uma animada delegação e que vem obtendo resultados satisfatórios. O município conquistou, até o momento, uma medalha de ouro no tênis de campo e duas medalhas de bronze no atletismo.

Pelo atletismo feminino, a atleta Diva Montini Oliveira Abel obteve o terceiro lugar nos 600 metros, e Edilene Pontes de Souza, nos 1.500m. A medalha de ouro no tênis de campo foi conquistada por Vilma Malheiros Martins.

Nesta sexta-feira (17) a equipe da Cidade Azul participou de competições pelas modalidades atletismo, dança de salão, tênis, vôlei adaptado, xadrez e damas. No sábado acontecem disputas de voleibol adaptado, damas, natação e xadrez. Caso a equipe de voleibol vença o jogo, retorna às quadras para competir no domingo.

O titular da Setur, Ronald Penteado, destaca a participação da equipe na competição. “Os Jori reúne atletas da terceira idade de vários municípios e esses atletas encontram na competição um ambiente para descontrair, mostrar sua vitalidade e também exercitar a saúde física e mental”, observa o secretário.

Rio Claro participa dos Jogos com 65 atletas da terceira idade e mais seis integrantes da equipe técnica. Os jogos reúnem competições nas modalidades truco, vôlei adaptado, xadrez, atletismo, bocha, buraco, coreografia, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, tênis e tênis de mesa.

A delegação rio-clarense conta com apoio do Fundo Social de Solidariedade e da Secretaria Municipal de Esportes e Turismo (Setur).

Prefeitura inaugura a quarta unidade de saúde em dois anos

Rio Claro está passando de 16 para 22 unidades de saúde, ampliando em 30% sua rede de Atenção Básica.

A prefeitura de Rio Claro entrega neste sábado (18) às 9 horas a quarta das seis unidades de saúde da família (USF) que ficaram com obras paralisadas até 2016. A unidade começará a atender o público do bairro Jardim Brasília e região na segunda-feira (20). A Secretaria Municipal de Saúde já definiu as equipes médica e de enfermagem que farão os atendimentos.

Como as outras cinco unidades, a USF “Enfermeira Neusa Maria Mortari” teve as obras retomadas quando o atual governo assumiu a prefeitura. No ano passado, três unidades de saúde entraram em funcionamento no Jardim Santa Elisa, Mãe Preta e no Jardim Progresso. Em breve, a prefeitura entregará mais dois postos de saúde, um no Jardim São Miguel e outro no Bela Vista.

“É mais um compromisso com a população que estamos cumprindo, trazendo avanços à saúde, com os serviços mais perto das famílias”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “O programa Farmácia Todo Dia, que proporcionou a abertura das farmácias aos finais de semana e feriados, bem como o atendimento de qualidade prestado no Espaço Mais Saúde, foram outros ganhos importantes para o setor”, acrescenta Juninho.

A USF do Jardim Brasília atenderá usuários previamente cadastrados, em consultas médicas, pré-natal, puericultura, exame de papanicolau, vacinas, medicações, consultas complementares e outros atendimentos. Outra característica das unidades de saúde da família é ter equipe que realiza visitas domiciliares.

A secretária municipal de Saúde, Maria Clélia Bauer, ressalta que as seis novas unidades de saúde que Rio Claro está ganhando representam um aumento de 30% na capacidade de atendimento da rede de Atenção Básica. “Tínhamos 16 unidades de saúde e logo chegaremos a 22. Estes investimentos na Atenção Básica representam um avanço muito importante no atendimento à comunidade”, explica.

A prefeitura fez outros investimentos na estrutura física de atendimento em saúde. Recentemente concluiu a reforma da unidade de saúde da família do Jardim das Palmeiras. Também recebem melhorias as unidades do Wenzel e do Cervezão. O pronto-socorro da Avenida 15 teve o telhado reformado, em parceria com a Santa Casa, e o Centro de Especialidades Odontológicas foi transferido para nova sede. Também foi providenciado novo prédio para o Núcleo de Combate à Dengue.

Arquivo Público promove oficina de acondicionamento de documentos

Funcionários de arquivos de Rio Claro e de mais oito cidades participaram da atividade.

O Arquivo Público de Rio Claro “Oscar de Arruda Penteado” realizou na quarta-feira (15) oficina de acondicionamento, com dicas e orientações sobre  o armazenamento de documentos. A oficina foi ministrada por Altieres de Melo Araújo, diretor do Núcleo de Acondicionamento e Encadernação do Arquivo do Estado de São Paulo.

Participaram da oficina funcionários do Arquivo Público de Rio Claro e de mais oito municípios: Americana, Campinas, Caraguatatuba, Limeira, Olímpia, Ribeirão Preto, Santo André e São Sebastião, totalizando 21 participantes. Essas cidades integram o Observatório Municipal de Arquivos, projeto coordenado pelo Centro de Assistência aos Municípios do Departamento de Gestão do Sistema de Arquivos do Estado.

“O objetivo da oficina foi compartilhar informações e conhecimentos técnicos entre as instituições arquivísticas”, explica a superintendente do Arquivo Público de Rio Claro, Monica Frandi Ferreira.

Além do conteúdo teórico, a oficina também contou com parte prática onde os participantes aplicaram técnicas de elaboração e desenvolvimento de envelopes, pastas e caixas para acondicionamento adequado, e melhor preservação de documentos dos acervos em diferentes suportes.

Saúde no Câmpus tem serviços gratuitos de terça a quinta-feira

Atividades serão realizadas na Unesp de manhã e à tarde.

Em uma iniciativa da prefeitura e de instituições de ensino do município, Rio Claro terá na semana que vem a terceira edição do evento Saúde no Câmpus, com serviços gratuitos de saúde direcionados a toda a comunidade. São três dias de atividades, de terça a quinta-feira, 21 a 23 de maio, período em que a população terá programação especial no câmpus da Unesp Rio Claro.

“Qualidade de vida e prevenção a doenças estão diretamente ligadas a hábitos saudáveis e, neste contexto, as atividades que promovem o bem-estar e os cuidados com a saúde, inclusive a prática de atividades físicas, são muito importantes”, observa Maria Clélia Bauer, secretária de Saúde.

Teste de glicemia, avaliação e orientações cardiorrespiratórias e de postura, atividades físicas, teste rápido para hepatites B e C e vacinação antirrábica para cães e gatos são alguns dos serviços que estão na programação. A unidade móvel odontológica da Secretaria de Saúde estará no local para exame diagnóstico de câncer bucal e clínico. E também será realizado cadastramento dos interessados em utilizar o câmpus para caminhada.

Além da Secretaria de Saúde, participam do evento as faculdades Anhanguera, Claretiano e Unesp. Alunos dos cursos de Biomedicina, Fisioterapia, Educação Física, Nutrição e Estética estarão envolvidos nas atividades, organizadas pelo Núcleo de Educação em Saúde, Treinamento e Desenvolvimento da Secretaria de Saúde.

Durante o Saúde no Câmpus, a comunidade pode procurar por serviços de saúde na portaria principal da Unesp, das 8 às 11 horas e das 14 às 19 horas. A Unesp fica na Avenida 24-A, 1.515, Bela Vista.

Prefeitura faz distribuição gratuita de antenas anticerol

Ação será neste sábado, das 9 às 12 horas, no Jardim Público.

A prefeitura de Rio Claro realiza neste sábado (18) mais uma atividade que integra a campanha Maio Amarelo, que tem como tema “No trânsito, o sentido é a vida”. Das 9 às 12 horas haverá distribuição gratuita de 800 antenas anticerol para motociclistas. A atividade ficará concentrada no Jardim Público, na altura da Avenida 1 com Rua 4.

A ação será realizada por equipe do setor de mobilidade urbana da prefeitura com apoio do Sest Senat. “Estamos atuando de forma preventiva para evitar que acidentes ocorram, além de alertar a população sobre os riscos do cerol e outros cortantes”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

Quem quiser poderá ter a antena instalada na hora. Funcionários da Esport Motor vão colaborar com a instalação das antenas anticerol nas motocicletas. “Nosso objetivo é conscientizar os motociclistas sobre a importância desse equipamento que pode salvar vidas”, informa o vice-prefeito e o secretário de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário, Marco Antonio Bellagamba.

A ação deste sábado também incluirá campanha educativa. Junto com as antenas anticerol serão distribuídos folhetos com orientações sobre segurança, direção consciente e os riscos do uso de celular ao volante. “A atenção do motorista no trânsito é fundamental para sua própria segurança e de outras pessoas”, alerta o diretor municipal de Mobilidade Urbana, Adilson Marques, destacando que o uso do aparelho deixa as reações mais lentas, o que pode causar acidentes graves e até mesmo mortes.

Além do risco de acidentes, o manuseio do celular ao volante pode render multa e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), já que a infração é considerada gravíssima pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

As atividades da campanha Maio Amarelo atendem lei municipal que incentiva a realização de atividades que promovam a educação e conscientização no trânsito. A lei foi instituída a partir de projeto do vereador André Godoy.

Conselho gestor estadual para direitos da pessoa com deficiência tem representante de Rio Claro

Paulo Meyer foi indicado ao cargo pela secretária Célia Leão.

Rio Claro estará representado no conselho gestor da Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência. O representante do município será Paulo Meyer, assessor municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. O conselho, formado por dez membros, é um órgão de assessoramento que trabalhará em conjunto com a Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência para discutir políticas públicas para pessoas com deficiência.

“Fiquei muito lisonjeado com a indicação, é um reconhecimento pelo trabalho que estamos realizando em Rio Claro”, comenta Paulo Meyer, acrescentando que esta é mais uma porta aberta que Rio Claro terá no governo estadual. “Agradeço a secretária Célia Leão e o governador João Dória pela confiança e me coloco sempre à disposição para o desenvolvimento desta causa que é muito importante para a sociedade”, finalizou Meyer.

Célia Leão, titular da Secretaria de Estado da Pessoa com Deficiência, confirmou que, a pedido do governador João Dória, indicou para o conselho pessoas que atuam nas causas em prol das pessoas com deficiência e que podem contribuir para avanços nas políticas públicas para pessoas com deficiência  no Estado de São Paulo.

“A escolha foi feita a dedo, com o objetivo de trazer pessoas que venham contribuir para o avanço de políticas públicas para a pessoa com deficiência no estado de São Paulo, com suas vivências, trabalhos e lutas que já desenvolveram pela causa”, frisa Célia Leão.

O conselho gestor é formado por Cid Torquato,  Aracélia Lúcia Costa,  Ivone Santana, Jorge da Farmácia,  Dudu Braga, Mara Gabrilli, Mizael Conrado, Mônica Cavenaghi,  Paulo Meyer e Paullo Vieira.

Ainda é baixa a procura por vacina contra gripe

Até agora pouco mais de 50% das pessoas foram vacinadas.

A duas semanas do fim da campanha, ainda é baixo o número de pessoas pertencentes aos grupos prioritários que tomaram vacina contra a gripe em Rio Claro. Os números divulgados na quinta-feira (16) pela Vigilância Epidemiológica do município apontam que o município alcançou 53,40% de cobertura vacinal. A meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é de vacinar 90% das pessoas pertencentes aos grupos prioritários.

“Muita gente que deve receber a dose da vacina ainda não procurou a unidade de saúde e a nossa orientação é para que essas pessoas façam isso o quanto antes para que sejam imunizadas contra a doença”, observa Maria Clélia Bauer, secretária de Saúde.

Ao todo foram vacinadas 32.471 pessoas. As doses foram aplicadas em 15.654 idosos com mais de 60 anos, o que representa cobertura vacinal de 61,85% neste grupo; 5.107 crianças até cinco anos (41,20%); 967 gestantes (52,90%); 238 puérperas (79,33%); 3.258 trabalhadores de saúde (54,83%); 842 professores (41,89%); 6.165 portadores de doenças crônicas (47,34%); 129 policiais, militares e bombeiros; 68 pessoas privadas de liberdade; e 43 funcionários do sistema prisional. Também devem ser imunizados contra a gripe adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas.  

A campanha vai até dia 31 de maio e a vacina é aplicada em todas as unidades de saúde da família e unidades básicas de saúde do município.

Quem estiver com alguma vacina em atraso poderá colocar a carteira de vacinação em dia.  Para isso basta apresentá-la na unidade de saúde. A lista com endereços e telefones das unidades de saúde de Rio Claro está no site http://www.saude-rioclaro.org.br/enderecos.htm.