Prefeitura realiza mutirão de limpeza na região do Bonsucesso

Mais de 900 toneladas de lixo foram removidas na ação.

A prefeitura de Rio Claro concluiu na terça-feira (21) mutirão de limpeza nos bairros Bonsucesso, Novo Wenzel e Bom Retiro. Os serviços foram realizados por equipes das secretarias da Agricultura e Obras em áreas verdes, terrenos e canteiros centrais. Os trabalhos incluíram roçagem de mato e remoção de entulho.

“Fizemos um pente fino nesses três bairros e solicitamos o apoio da comunidade para que faça o descarte correto do lixo e nos ajude a manter esses locais limpos”, afirma Emilio Cerri, secretário municipal da Agricultura, Abastecimento, Silvicultura e Manutenção.

Os trabalhos de limpeza também incluíram a remoção de entulho. “Retiramos mais de 900 toneladas de entulho desses três bairros”, informa o secretário municipal de Obras, Paulo Roberto de Lima. Foram 576 toneladas no Novo Wenzel, 276 toneladas no Bom Retiro e mais de 50 toneladas no Bonsucesso.

Parte do entulho foi reaproveitada pela Secretaria de Obras e o restante descartado. “O entulho limpo foi utilizado para tapar buracos de erosão”, explica o diretor municipal de Obras Públicas, Valter Godoy, lembrando que trabalhos de limpeza e remoção e entulho foram realizados recentemente no distrito de Ajapi e nos bairros São Caetano, São José, São João e Jardim Progresso.

Cemitério municipal procura donos de 21 sepulturas

Túmulos que não forem recadastrados vão retornar à posse do município.

A prefeitura de Rio Claro está fazendo levantamento sobre a situação cadastral dos cerca de 30 mil túmulos do Cemitério Municipal São João Batista. A ideia é identificar os jazigos sem uso e em estado de abandono para que nova destinação possa ser dada a essas sepulturas. A primeira etapa do levantamento identificou 21 túmulos abandonados e a prefeitura está notificando as famílias que têm a posse dessas sepulturas para que façam recadastramento de dados.

O edital com a relação dos nomes foi publicado no Diário Oficial do Município no dia 15 de maio. As famílias concessionárias têm 30 dias a partir da publicação para fazer a atualização de dados na administração do cemitério. Caso isso não seja feito dentro do prazo estabelecido, os túmulos vão retornar à posse do município que dará nova destinação aos mesmos.

“São sepulturas antigas que não são utilizadas há décadas e as famílias concessionárias não foram localizadas. Muitos jazigos estão em estado de abandono”, explica o secretário municipal da Administração, Jean Scudeller. Algumas sepulturas estão vazias e em outras os últimos sepultamentos foram realizados há décadas. É o caso do túmulo da família de Alzira Costa Oliveira cujo último sepultamento foi realizado em junho de 1924, há 95 anos.

Para manter a cessão na família, é necessário que os herdeiros comprovem parentesco com o concessionário titular. “O túmulo não pode ser transferido para terceiros, somente para parentes do concessionário”, informa o diretor municipal de Administração, Sérgio Christofoletti.

“Se a família não fizer o recadastramento a sepultura voltará para a prefeitura que fará um novo título de concessão”, acrescenta o diretor, ressaltando que essas 21 sepulturas foram localizadas em uma primeira análise e outras poderão ser identificadas nas próximas etapas do levantamento.

Sábado tem vacinação contra a gripe em Rio Claro

Vacina poderá ser tomada nas unidades da Av. 29, Wenzel, Cervezão e Vila Cristina.

Para ampliar os índices de cobertura vacinal, o município de Rio Claro realiza no sábado (25) mais uma ação da campanha de vacinação contra a gripe. As quatro unidades básicas de saúde (UBS) vão abrir das 8 às 17 horas para atender as pessoas que pertencem aos grupos prioritários indicados para tomar a vacina: crianças de seis meses a cinco anos de idade, gestantes, puérperas, idosos, profissionais de saúde, professores, portadores de doenças crônicas, povos indígenas, pessoas privadas de liberdade, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas, policiais e bombeiros que estão na ativa.

No sábado, a vacina estará disponível nas unidades da Avenida 29, Wenzel, Cervezão e Vila Cristina. “Os postos vão funcionar no sábado somente para aplicar a vacina contra a gripe e não irão realizar outros serviços”, explica a secretária municipal de Saúde, Maria Clélia Bauer. “Esperamos que as pessoas indicadas para a vacina aproveitem mais essa oportunidade para se protegerem contra a doença”, acrescenta.

Há dez dias do encerramento da campanha de vacinação, prevista para o dia 31 de maio, Rio Claro ainda tem baixa procura pela vacina. O último boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica na sexta-feira (17) aponta cobertura vacinal de 46,57%. “Ao todo 28.318 pessoas foram vacinadas contra a gripe e a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde para o município é vacinar 42.113 pessoas”, informa Dinorá Silmara dos Santos, enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica.

Os grupos com menor procura pela imunização são os de professores e de crianças até 5 anos, com 33,43% e 37,05% de cobertura vacinal, o que correspondem a 672 e 4.592 doses aplicadas, respectivamente. A maior cobertura vacinal é das puérperas, com a vacinação de 194 mulheres (64,67%), seguido de idosos com 14.277 (56,41%). Também foram vacinadas 866 gestantes (47,37%), 2.284 trabalhadores de saúde (38,44%), e 5.304 portadores de doenças crônicas (40,73%). 

Prefeitura amplia frota de ambulâncias

Novo veículo foi entregue nesta quarta-feira (22).

O prefeito de Rio Claro João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, confirmou a ampliação da frota de ambulâncias para o atendimento de pacientes da rede pública municipal de saúde. “Estamos recebendo mais uma ambulância, o que confirma nossa proposta de priorizar o setor de saúde”, afirmou o prefeito lembrando que neste mês de maio a prefeitura está colocando em funcionamento dois novos postos de saúde, um no Jardim Brasília e outro no Bela Vista.

A ambulância, que já foi incorporada à frota da Secretaria Municipal de Saúde, teve investimentos da ordem de R$ 80 mil, recursos obtidos a partir de emenda parlamentar do ex-deputado federal Nelson Marquezelli, atendendo pedido do vereador Hernani Leonhardt. “Sabemos o quanto é importante o transporte para um paciente no momento em que ele precisa desse serviço, por isso fizemos a solicitação ao deputado e fomos atendidos”, ressaltou Hernani.

A secretária municipal de Saúde, Maria Clélia Bauer, também compartilha desta opinião. “O objetivo é qualificar o transporte no setor de saúde do município, com maior conforto e tempo oportuno”, afirmou Maria Clélia.

Artesanatos são vendidos no Mercado Municipal

Produtos são comercializados por artesãos do programa de Economia Solidária.

Artesãos do programa de Economia Solidária comercializam no Mercado Municipal de Rio Claro produtos feitos a partir de diferentes matérias-primas.

“A economia solidária incentiva o empreendedorismo e tem como objetivo gerar trabalho e renda, além de incentivar a reciclagem e o reaproveitamento de matéria-prima para um consumo ético e consciente”, observa Erica Belomi, secretária do Desenvolvimento Social.

Entre as opções estão produtos feitos com bagaço de cana, folhas de bananeira, EVA, pintura em tela e acessórios com tingimento natural. Há também artigos da linha pet.

Os produtos podem ser adquiridos de quarta a sábado, das 13 às 18 horas, no box 10 do Mercado Municipal, em espaço cedido pela prefeitura. No mesmo local estão sendo organizadas oficinas de artesanato, biojóias e pintura em tela, que devem ser realizadas em breve. Para mais informações, os interessados devem comparecer ao local.  O Mercado Municipal fica na Rua 8 com a Avenida Visconde do Rio Claro.

Quintetos de Quinta no Casarão

No sábado (25) a apresentação será da cantora Tika.

A Secretaria da Cultura de Rio Claro apresenta na quinta-feira (23) Quintetos de Quinta. O público irá conferir apresentação dos músicos da Sociedade Musical União dos Artistas Ferroviários de Rio Claro. O evento gratuito será às 20 horas no Casarão da Cultura, que fica na Avenida 3 com a Rua 7, Centro.

“Quintetos de Quinta tem apresentações mensais em que durante cerca de 60 minutos o público é contagiado pela qualidade musical das interpretações”, observa Daniela Ferraz, secretária da Cultura.

A música continua em cena no Casarão no sábado (25) às 20 horas. Depois de lançar seu primeiro álbum autoral, “Unwritable”, a cantora e compositora Tika volta ao Casarão com novo show. Com referências que unem o pop e o cult, a música da Tika evoca à bossa nova moderna, sofisticada, harmônica e melódica. 

Reunião com moradores discute pavimentação asfáltica em Batovi

Encontro será às 19 horas desta quinta-feira (23).

As reuniões para discutir pavimentação afáltica nos bairros prosseguem em Rio Claro. Nesta quinta-feira (23) o debate será realizado no distrito de Batovi, a partir das 19 horas na subprefeitura. Os moradores estão convidados a participarem da reunião para discutirem asfalto e outros assuntos de interesse da comunidade com o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, secretários municipais e vereadores.

Desde o início do mês, a prefeitura tem feito reuniões como esta nos bairros. A iniciativa visa discutir o projeto de financiamento de R$ 60 milhões que depende de autorização dos vereadores e ao qual os moradores têm se mostrado favoráveis. Desse montante, R$ 30 milhões seriam utilizados para pavimentação, R$ 20 milhões para recapeamento, R$ 5 milhões para a saúde e R$ 5 milhões para o Daae.

Na terça-feira (21), reunião foi realizada com moradores da Vila da Paz, que há anos esperam pela pavimentação da Rua 16 e regularização das escrituras de seus imóveis. Eles se manifestaram favoráveis ao projeto de financiamento e aceitam pagar contribuição de melhoria pelo asfalto.

“Queremos o asfalto e concordamos em pagar pelo serviço”, declara Marcela Paixão dos Santos, que mora há dois anos no bairro. “Há seis anos espero o asfalto e espero que agora venha”, comenta Antonio Bortolin Filho. “O valor das parcelas é pequeno, se não tiver juros, dá pra pagar”, avalia Bernadete. “Espero que agora resolvam esses problemas antigos, o asfalto e a documentação das casas”, destaca Francisco Mendes Damasceno, um dos primeiros moradores da Vila da Paz.

O prefeito Juninho da Padaria solicitou o apoio dos moradores para aprovação do financiamento. “Chegou a hora de nos unirmos para resolver problemas antigos do bairro. Preciso do apoio de vocês e dos vereadores porque se o financiamento não for aprovado, não teremos condições de fazer o asfalto”, disse aos moradores. “Precisamos de dez votos para aprovar o projeto”, informou o prefeito.

Suas palavras foram reforçadas pelo presidente da Câmara Municipal, André Godoy. “É importante discutir com a população e alinhar com os vereadores para que o projeto possa prosperar e trazer melhorias para Rio Claro”, assinalou André Godoy que participou da reunião com os vereadores Adriano La Torre, Geraldo Voluntário, Hernani Leonhardt, Irander Augusto, Júlio Lopes, Ney Paiva, Paulo Guedes e Rafael Andreeta.

Prefeitura inicia curso com foco na inclusão e cidadania

Coordenadores dos grupos de terceira idade foram os primeiros a participarem da formação.

A prefeitura de Rio Claro iniciou neste mês curso para formação de agentes de inclusão e cidadania. O projeto é aberto para a participação de toda a comunidade. A primeira turma a participar do curso reuniu coordenadores dos grupos de Terceira Idade, em dois encontros nos dias 9 e 16 de maio.

O projeto de formação é uma organização das secretarias do Meio Ambiente e da Cultura, por meio da Diretoria de Políticas Especiais, via assessorias da Pessoa com Deficiência e do Idoso. “Os participantes do curso terão condições de transmitir para a sociedade uma visão mais ampla de cidadania com foco em meio ambiente e inclusão”, explica o assessor municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Paulo Meyer, salientando a importância de implantar projetos que visem transformar a sociedade.

Néia Magalhães, assessora municipal de Políticas Públicas para os Idosos, ressalta a importância dos idosos como agentes multiplicadores. “Os grupos de terceira idade são fundamentais neste papel de difundir inclusão e cidadania”, afirma.

Para Leonardo Andrade, gerente de Planejamento Ambiental, cidadania e meio ambiente devem caminhar juntos para a construção de uma cidade melhor. “O projeto é fundamental para a conscientização da comunidade visando ter um meio ambiente equilibrado”, avalia.

O projeto prevê a realização sempre de dois encontros. A próxima data e o público participante ainda estão sendo definidos. Os participantes recebem certificado de Agente pela Inclusão e Cidadania.

Guarda Civil de Rio Claro completa 23 anos

Comemoração será na quinta-feira (23) às 9 horas.

Rio Claro comemora na quinta-feira (23) aniversário de 23 anos da Guarda Civil Municipal. Solenidade será realizada a partir das 9 horas no espaço livre da Avenida Visconde do Rio Claro.

Com sede na Rua 12, esquina da Avenida 23 – Bairro do Estádio, a Guarda Civil Municipal foi criada em 15 de maio de 1996, pela Lei Municipal 2820, e é vinculada à Secretaria de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário.

“A atual administração tem a segurança como uma das prioridades e neste contexto a Guarda Municipal assume papel ainda mais importante”, destaca Marco Antonio Bellagamba, vice-prefeito e secretário de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário.

O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, lembra que os investimentos em segurança tem sido constantes. Duas Centrais de Segurança Integrada foram criadas no município, que teve ampliado o monitoramento por câmeras na região central. Recentemente também foram adquiridos munição, fardamento e novos equipamentos para a Guarda Municipal, além da renovação da frota de veículos da corporação.

A ação da Guarda Civil segue as diretrizes da Secretaria Nacional de Segurança Pública e do Ministério da Justiça, assim como o recrutamento e o treinamento dos profissionais.