Bate-papo sobre direitos dos idosos no Cras Jardim Brasília

Em mais uma atividade voltada ao mês das mulheres, IonitaKrügner, advogada que reside em Rio Claro, participou de um bate-papo na terça-feira (8) com o tema “Direitos e deveres de pessoas idosas”, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Jardim Brasília, serviço vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social.

O objetivo do bate-papo foi conscientizar os idosos quanto aos seus direitos. Assuntos como empréstimos consignados feitos de maneira indevida com cartão dos aposentados, e violência verbal e física sofrida dentro ou fora de casa, fizeram parte da conversa.

Segundo a advogada, é importante a conscientização sobre os direitos dos idosos. “Eu trago uma experiência jurídica do que acontece na sociedade, a conversa serviu para estreitar laços e deixá-los mais conscientes para usufruírem dos direitos de cada cidadão”.

A advogada também falou da importância de se denunciar os tipos de violência que os idosos sofrem dentro de casa. “Não existe apenas a agressão física, há também a moral, patrimonial e sexual, entre outras”.

A coordenadora do Cras Jardim Brasília, Aurea Maria Rios, avaliou a atividade de forma positiva. “Um dos papéis do Cras é orientar estimular reflexões sobre os direitos dos cidadãos”, disse.

O mês da mulher continua com atividades especiais nos Centros de Referência de Assistência Social, com palestras e oficinas de artesanato. A partir de quarta-feira (9) a Feira de Economia Solidária acontece no supermercado Enxuto.