Espetáculo infantil tem brincadeira e conhecimento na quarta-feira

Com entrada gratuita, espetáculo infantil “O que será?” vai ser apresentado nesta quarta-feira (17) no Centro Cultural “Roberto Palmari”, em Rio Claro. Serão duas sessões: a primeira às 9 horas e outra às 14 horas.

“É um espetáculo que utiliza a brincadeira como aliada para estimular o conhecimento”, resume Daniela Ferraz, secretária da Cultura. A atividade é voltada para toda a família.

Em cena, dois amigos participam de um jogo cheio de aventuras e descobertas, em que usam o dado para saber qual aventura irão realizar, tendo três possibilidades por jogada. A cada apresentação surgem novas e diferentes possibilidades, a partir da expectativa “o que será que eles vão nos mostrar desta vez?”.  Pode ser uma história, uma fábula, aprender a fazer um brinquedo, dança, brincadeira, música e muitas outras curiosidades para a criançada, sempre trabalhando temáticas da cultura popular brasileira.

“Com um cenário simples, porém encantador por suas cores e formas, a dupla de atores consegue de maneira muito criativa e lúdica compartilhar diversos conhecimentos da nossa cultura popular”, destaca Claudia Maria Murer, orientadora pedagógica, acrescentando que “a metodologia utilizada permite trabalhar temáticas presentes no currículo pedagógico, envolvendo noções matemáticas com números e formas geométricas, bem como de língua portuguesa com seus diversos gêneros textuais (músicas, fábulas, receitas, piadas, adivinhas, trava-línguas, etc), que perpassam todo o espetáculo, oferecendo aos professores e pais um amplo repertório de possibilidades para abordagens do conteúdo”.

 Após a apresentação teatral, os atores demonstram de forma lúdica e didática, por meio da exposição “Reciclar e brincar”, brinquedos e brincadeiras confeccionadas com materiais recicláveis e reutilizáveis, que as crianças podem fazer em casa e na escola.

A direção do espetáculo é de Paulo Afonso Coelho e os personagens são interpretados por Reginaldo Menegazzo e Silvio Favaro, que também realizaram trabalho de pesquisa e texto do espetáculo. Trilha Sonora: Kha Machado; cenografia e adereços: Luciane Kundé e Grupo; figurino: Favarossi Confecções; orientação pedagógica: Claudia Maria Murer; design gráfico: Diego Augusto; produtor geral e local: Reginaldo Menegazzo e Cristina Smidarle; responsável técnico: Silvio Favaro; operador técnico e assistência local: Sérgio Vergílio; exposição: Adelita Zuppiroli, Ana Paula Favaro e Grupo.

O espetáculo é realizado com o apoio da prefeitura de Rio Claro, por meio da Secretaria da Cultura; do Proac (Programa de Ação Cultural), do governo estadual; e Arte+ Produções Culturais. Patrocínio da empresa Rumo e produção do grupo Produção Cultural.