Banco de Alimentos de Rio Claro é referência

Jundiaí inaugura seu equipamento depois de conhecer Banco de Alimentos de Rio Claro.

Após visitar Rio Claro para conhecer o Banco de Alimentos do Município, a prefeitura de Jundiaí inaugurou na sexta-feira (15) a sua unidade do equipamento. Em fevereiro representantes da Fundação Municipal de Ação Social (Fumas) de Jundiaí visitaram o Banco de Alimentos de Rio Claro para conhecer de perto o trabalho que é desenvolvido e que é referência para outros municípios, tido como importante equipamento de Segurança Alimentar e Nutricional.

O prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, em sua fala no momento da inauguração, destacou que o Banco de Alimentos de Rio Claro tornou-se a grande inspiração e referência para Jundiaí.

No ano passado Rio Claro aderiu à Rede Brasileira de Bancos de Alimentos, instituída pelo Ministério do Desenvolvimento Social. “São muitas as vantagens para o município em fazer parte da rede nacional”, comenta Erica Belomi, secretária do Desenvolvimento Social de Rio Claro. “Entre elas, maior acesso a recursos federais e a sistemas de apoio à gestão”, explica a secretária. A partir desta adesão torna-se importante para o município manter articulação com os bancos de alimentos dos municípios da região, conforme observa Larissa Baungartner Zeminian, gerente de Segurança Alimentar e Nutricional.

De Rio Claro, também estiveram na inauguração Daniel Bastos Buchdid, diretor dos Programas Complementares, e Adriano Marchi, vice-presidente da União de Amigos (Udam).

O Banco de Alimentos de Rio Claro é um programa desenvolvido pela prefeitura, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Social, em parceria com a Udam. O objetivo é combater o desperdício de alimentos através da arrecadação de produtos hortifruti considerados impróprios para venda, mas adequados para o consumo humano. “A equipe faz a seleção, manipulação, higienização, embalagem e etiquetagem dos alimentos, distribuindo-os a organizações da sociedade civil cadastradas que atendem população em vulnerabilidade social”, explica Larissa.

Além dos processos operacionais de manipulação dos alimentos, o Banco de Alimentos desenvolve ações nutricionais e sociais junto aos beneficiários, contribuindo para autonomia das pessoas em relação às escolhas alimentares, promoção da alimentação adequada e saudável e articulação da rede socioassistencial para o acompanhamento dos beneficiários em vulnerabilidade social.

Os interessados em fazer doações ao Banco de Alimentos podem entrar em contato com a gerência de Segurança Alimentar pelo telefone 3522-1930 ou com o Banco de Alimentos, através do telefone 3532-4408.Área de anexos