Rio Claro tem 1.156 casos de dengue

Não há registros de de zika vírus, chikungunya e febre amarela.

A Secretaria de Saúde de Rio Claro divulgou na sexta-feira (16) números da dengue no município. Neste ano foram registrados 1.156 casos da doença. A Vigilância Epidemiológica aponta que não há casos confirmados de zika vírus, chikungunya e febre amarela, doenças também transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

Apesar das baixas temperaturas e do tempo seco, a população deve se manter atenta e eliminar os possíveis criadouros do mosquito, conforme orientações do Centro de Controle de Zoonoses, da Secretaria de Saúde.

Para combater a dengue Rio Claro mantém vistorias casa a casa de segunda a sexta-feira e fiscalização intensa para evitar situações de acúmulo de materiais que podem se tornar criadouros do Aedes aegypti.