Depois de reformada, unidade de saúde do Terra Nova é entregue à população

No próximo ano serão implantadas especialidades de pediatria e ginecologia, em parceria com o Claretiano.

“Agora temos estrutura bem melhor para o atendimento, com mais espaço para acolher os pacientes e realizar os procedimentos, além de melhores condições de trabalho para as equipes”, comemora Flaviana Octaviani, responsável pela unidade de saúde da família do Terra Nova, que, depois de reformada foi oficialmente entregue à comunidade na terça-feira (22).

Essa é a quarta unidade de saúde reformada por meio de parceria entre prefeitura e Claretiano – Centro Universitário. Já foram entregues as unidades do Mãe Preta, Bonsucesso e Jardim Novo. Com a reforma, a unidade do Terra Nova foi reestruturada e o número de salas de atendimento dobrou, indo de seis para 12, o que comporta melhor as três equipes que trabalham no local. No próximo ano as quatro unidades passarão a contar com as novas especialidades médicas ginecologia e pediatria. Novo horário de atendimento, até as 19 horas, será implantado também nas quatro unidades quando isso for autorizado pelo Ministério da Saúde.

“Agradecemos a parceria com o Claretiano, que possibilitou a realização deste projeto, que proporciona melhores condições para a equipe realizar o seu trabalho e mais dignidade para a população atendida”, destacou o prefeito em exercício Cel. Marco Antonio Bellagamba. “O tratamento que devemos dedicar a quem procura um serviço de saúde é o mesmo que gostaríamos que dedicassem a um parente nosso”, acrescentou o coronel Bellagamba, lembrando que esta postura sempre foi defendida por João Teixeira Junior, o Juninho.

“Hoje contamos com prédio adequado para os atendimentos e que seja um local onde cada funcionário possa crescer profissionalmente e que cada um seja instrumento para proporcionar melhores condições de saúde para a população”, ressalta Maurício Monteiro, secretário de Saúde.

O padre Luiz Botteon, reitor do Claretiano Faculdade, enfatizou que a reforma possibilita melhoria no serviço oferecido à comunidade e aprendizagem para os alunos do curso de medicina que realizarão estágios na unidade. “Há oito anos entregamos esta unidade de saúde, que desde então vem sendo um local de atendimento à população”, lembrou o padre Botteon.

Também acompanharam a reabertura da unidade do Terra Nova o vereador Julinho Lopes; Osvaldo Celotti, pró-reitor administrativo do Claretiano; Leandro Pauletti, pró-reitor acadêmico; e Luana Doimo, engenheira da construtora Doimo, responsável pela obra.