Cultos religiosos presenciais seguem proibidos em Rio Claro

Atividades religiosas coletivas só podem ser realizadas de modo remoto.

Rio Claro adotou medidas mais rígidas para conter a propagação do coronavírus no município. Até as 8 horas da próxima segunda-feira (5), medidas restritivas estão valendo para várias áreas, inclusive no setor religioso. Nesse período permanece sendo proibida a realização de cultos, missas e demais atividades religiosas de caráter coletivo e só serão permitidos cultos na modalidade remota.

Essa restrição aos cultos religiosos coletivos já estava valendo para todos os municípios paulistas desde o início da fase emergencial do Plano São Paulo do governo estadual, que começou no dia 15 deste mês e foi prorrogado na sexta-feira (26) para até 11 de abril.

As medidas visam reduzir os casos de infecção pelo coronavírus. No caso de Rio Claro, as medidas mais rígidas que começaram na noite de sexta-feira foram necessárias devido aos números crescentes de casos e mortes, e também para reduzir a ocupação de leitos hospitalares.