Vacinação contra a Covid nesta 6ª-feira será até as 21h na Faculdade Anhanguera

Pessoas com comorbidade a partir de 40 anos devem se vacinar.

Quem pertence aos grupos prioritários para a vacinação contra a Covid nesta sexta-feira (21) terá mais tempo para se vacinar. Além do atendimento normal nos outros quatro locais de vacinação, o posto na Faculdade Anhanguera atenderá das 8 às 21 horas. No Centro Cultural a vacinação vai das 8 às 15 horas e, nos três pontos de drive-thru, das 8 ao meio dia.

Todas as pessoas que forem ser vacinadas devem apresentar documento de identidade com foto e CPF, além da documentação exigida para cada caso.

A outra boa notícia é que o público-alvo para a vacinação foi ampliado. A partir desta sexta-feira (21) devem se vacinar as pessoas com comorbidade a partir de 40 anos e, desta mesma faixa etária, as pessoas com deficiência permanente que recebem o benefício de prestação continuada (BPC).

No caso das pessoas com comorbidade, deve ser apresentada declaração/relatório médico comprovando e indicando a comorbidade, sendo que para hipertensão, diabetes e problemas cardíacos também é aceito receituário médico indicando uso contínuo do medicamento. E as pessoas com deficiência permanente devem apresentar demonstrativo de crédito ou extrato bancário do benefício ou Cartão BPC.

Gestantes e puérperas com mais de 18 anos e com comorbidades continuam sendo vacinadas, além dos idosos com 60 anos ou mais; pessoas a partir de 18 anos com síndrome de Down; transplantados imunossuprimidos, também com mais de 18 anos; e pacientes maiores de 18 anos em terapia renal substitutiva (diálise). As gestantes devem apresentar declaração ou relatório médico que indique a comorbidade e autorize a vacinação. As puérperas, além do relatório médico indicando a comorbidade, precisam apresentar a certidão de nascimento do bebê, comprovando a data do parto, que deve ter acontecido há no máximo 45 dias. Os transplantados devem apresentar declaração médica ou comprovante de que foram atendidos em ambulatório de transplantados. Quem faz diálise deve apresentar relatório do centro de diálise.

Também será realizada a aplicação de segundas doses nas pessoas que tomaram a vacina Oxford/AstraZeneca até 4 de março e em quem recebeu a Coronavac/Butantan até 24 de abril. Para a segunda dose, além dos documentos pessoais, é necessário apresentar o comprovante da primeira dose.

A equipe do Santa Filomena atende em drive-thru no Shopping Rio Claro, na Av. Conde Francisco Matarazzo Junior. A equipe da Unimed atende na Rua 12 entre as avenidas 14 e 12 (prédio da antiga empresa Alexandre Junior). E os profissionais do São Rafael estão no pronto atendimento, na Rua 1 entre as avenidas 15 e 19.

Na quinta-feira (20) foi iniciada a vacinação de motoristas e cobradores que trabalham na empresa de transporte coletivo que atua no município. São 106 colaboradores que estão sendo vacinados na própria empresa.

Comorbidades

De acordo com o governo estadual, as seguintes comorbidades são incluídas como prioritárias para vacinação: diabetes; pneumopatias crônicas graves; hipertensão arterial resistente; hipertensão arterial estágio 3; hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade; insuficiência cardíaca; cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndrome coronarianas; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doenças da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênita no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; doença cerebrovascular; doença renal crônica; imunossuprimidos; hemoglobinopatias graves; obesidade mórbida; síndrome de Down; e cirrose hepática.