Rio Claro amplia público para quarta dose contra a Covid

Maiores de 50 anos e profissionais de saúde começam a receber a quarta dose na semana que vem.

Mais pessoas deverão tomar a quarta dose contra a Covid a partir da semana que vem em Rio Claro. A Fundação Municipal de Saúde divulgou nesta sexta-feira (3) cronograma de vacinação que contempla com a quarta dose pessoas com 50 anos ou mais e também profissionais de saúde.

“Com a ampliação do público, anunciada pelo Ministério da Saúde, estamos solicitando ao governo estadual mais doses de vacinas para atender a nova demanda”, observa Giulia Puttomatti, presidente da Fundação Municipal de Saúde.

Na segunda-feira (6) a quarta dose começa a ser aplicada nos profissionais de saúde que atuam na rede hospitalar ou nos setores de urgência e emergência. Na quarta-feira (8), quando o município recebe novo lote de vacina, serão vacinadas as pessoas com 55 anos ou mais. Na quinta-feira (9), recebem a quarta dose os maiores de 50 anos. E no dia 13 de junho a quarta dose, em Rio Claro, estará liberada para todos os profissionais de saúde, sendo necessária comprovação da função.

“Para tomar a quarta dose é necessário que a pessoa tenha recebido a terceira dose há no mínimo quatro meses”, lembra Fabyolla Lourenço, responsável pelo setor de imunização.

Também a partir de segunda-feira todos que precisarem de uma das doses contra a Covid contarão com mais dois postos de vacinação. Além das unidades básicas de saúde do Cervezão, Vila Cristina, Wenzel e Avenida 29, a vacina contra a Covid também será aplicada no posto de saúde do distrito de Ajapi e do bairro Mãe Preta. Na unidade do Mãe Preta o atendimento será em horário ampliado, das 7h30 às 18 horas. Nos postos da 29, Wenzel, Cervezão, Vila Cristina e Ajapi a vacinação é das 7h30 às 16h30.

As primeiras doses são para quem tem cinco anos ou mais. Para a segunda dose, é necessário observar a data de retorno, marcada a lápis no cartão de vacinação. Já a terceira dose é aplicada nos maiores de 12 anos quatro meses após a segunda dose. A quarta dose já é aplicada em pessoas com 60 anos ou mais que tomaram a terceira dose há no mínimo quatro meses.