Escola Paulo Koelle terá mais 3 salas de aula

     A prefeitura de Rio Claro deu início ao processo licitatório para as obras de ampliação da escola municipal Dr. Paulo Koelle, na região central. Três novas salas serão construídas, o que representa mais 40 vagas na unidade, que hoje atende a 506 alunos.

     “Nosso objetivo é atender principalmente à demanda de maternal, que está crescendo em relação à escola Paulo Koelle”, esclarece a Secretária da Educação, Heloísa Maria Cunha do Carmo, lembrando que a unidade também atende a Educação Infantil, ou seja, os Prés I, II e III.

     Além das três salas de aula, o edital da concorrência pública, que está na edição de 21 de maio do Diário Oficial do Município, prevê a construção de varanda e mais dois sanitários na escola. No total, serão acrescentando mais 314 metros quadrados à unidade de ensino, com previsão inicial de custo em R$ 347 mil.

      Segundo a Comissão de Licitação da prefeitura, os envelopes com as propostas das empresas interessadas em participar do certame será feita na próxima quarta-feira, dia dois. Após a definição, a vencedora da concorrência pública terá quatro meses para concluir o trabalho.

     A iniciativa do governo municipal soma-se aos esforços da prefeitura para ampliar a rede de ensino com novas unidades e reformas. O prédio próprio da creche Santa Rosa e o complexo educacional do Jardim Novo I, que serão concluídos no segundo semestre, são exemplos.

     A agenda de obras na rede municipal de ensino de Rio Claro ainda tem em andamento trabalhos no auditório e quadra da escola Monsenhor Martins (Vila Operária).

     Recentemente foi entregue novo prédio para a escola municipal no distrito de Ferraz e estão sendo concluídas obras de reforma na escola Sylvio de Araújo (Vila São Miguel) e na escola Antônio Maria Marrote (Bairro do Estádio), que ganhou novas e amplas salas de aulas para atender a mais quase 300 alunos.

Sistema de tratamento de chorume já funciona no Aterro de Rio Claro

Funcionários da Qualix posicionam aerador em uma das lagoas do Aterro Sanitário de Rio Claro

O chorume produzido pelo Aterro Sanitário de Rio Claro já está sendo tratado desde a semana passada, quando quatro aeradores começaram a funcionar em duas lagoas.  O investimento feito pela empresa Qualix, que vem operando o aterro do município, já estava previsto no contrato assinado com a prefeitura.

Os aeradores são equipamentos dotados de pás, lembrando ventiladores, que trabalham na superfície das lagoas, com a função de oxigenar o chorume, o que acarreta um processo mais rápido de decomposição. Quanto maior a oxigenação, mais acelerada é a decomposição.

O tratamento, contudo, é demorado até que o chorume atinja um ponto que torne possível a utilização do líquido para irrigar o próprio aterro – providência que também facilita a decomposição dos resíduos orgânicos ali depositados – e, da mesma forma, possibilite o descarte seguro de parte do líquido na estação de tratamento de esgotos.

Função do aerador é oxigenar o chorume, realizando o tratamento

Três lagoas estão ativadas, atualmente, no Aterro Sanitário de Rio Claro. O processo de tratamento do chorume começa a partir do momento que o líquido flui por um sistema de drenagem, correndo, por gravidade, até um poço de concreto, para dali seguir em direção às três lagoas. Até aqui, a purificação dependia da natureza e seguia um compasso lento de decantação. Agora, os aeradores reduzem a demora.

A Qualix também anuncia a finalização de uma quarta lagoa que está sendo construída para evitar que as demais transbordem em situação de chuva intensa e persistente. Todas elas aproveitam o efeito da gravidade, dispensando bombeamento.

O Aterro Sanitário de Rio Claro recebe, atualmente, “o equivalente a 130 toneladas de lixo doméstico por dia, o que corresponde a quatro mil toneladas por mês e, além disso, são mais de 400 toneladas de resíduos industriais por mês”, informa o engenheiro Luiz Antonio Seraphim, da Sepladema. “A área total é de 90 mil metros quadrados, dos quais 60 mil são ocupados pelo aterro”, acrescenta Regina Ferreira da Silva, diretora de Resíduos Sólidos da Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento e Meio Ambiente (Sepladema).

Concurso do Arquivo tem inscrições por site até 4ª e no NAM até 5ª-feira

     As inscrições para o concurso público para preenchimento de cargos no Arquivo Público e Histórico de Rio Claro podem ser feitas até esta quarta-feira (26) pela internet e até a quinta-feira (27) no posto de atendimento instalado do Núcleo Administrativo Municipal (NAM).

     São oito vagas no total. Pela internet as inscrições até esta quarta são feitas pelo site www.ibamsp-concursos.org.br. Já as inscrições presenciais, até quinta-feira, acontecem no posto de atendimento do Ibam instalado no NAM.

     A aplicação das provas está prevista para o dia 13 de junho. Quem for prestar o concurso deve ler detalhadamente o edital do certame, que tem todas as informações sobre o assunto e está disponível no endereço eletrônico www.aphrioclaro.sp.gov.br. O edital também está no Diário Oficial de Rio Claro número 232, publicado no último dia 14, e que também está disponível na internet, pelo site www.rioclaro.sp.gov.br.

     São três vagas para analista cultural (taxa de inscrição de R$ 58,00, exigência de nível superior completo, salário de R$ 1.326,28), uma vaga para analista econômico-financeiro (taxa de R$ 58,00, ensino superior em ciências contábeis e registro no CRC, salário de R$ 1.326,28), duas vagas para auxiliar de administração (taxa de R$ 38,00, ensino médio completo, salário de R$ 793,02) e duas vagas para auxiliar de serviços gerais (taxa de R$ 25,00, candidatos alfabetizados, salário de R$ 675,61).

Operação tapa-buraco atende diversos bairros de RC

Operação tapa buraco atende diversos bairros do município
Operação tapa buraco atende diversos bairros do município

     As quatro equipes do programa de tapa buraco desenvolvido pela Prefeitura de Rio Claro, através da Secretaria de Obras estão executando melhorias em vários bairros do município.  A equipe 1 está dando continuidade a segunda etapa do projeto de ampliação e reestruturação da rotatória da Avenida 50A com a Avenida Brasil. Nessa nova fase, o projeto está focado no fechamento de um novo cruzamento e a construção de guias e sarjetas numa extensão de 50 metros até a avenida 50A. No inicio do mês de maio, um trecho foi concluído e o trânsito de veículos foi liberado na nova rotatória.

     A equipe 2, está executando a operação tapa buraco na rua Saibreiro III e Vila Aparecida. A equipe 3, no decorrer desta semana está executando melhorias nas vias públicas no trecho da avenida 10, das ruas 11 até a 14 – região do bairro Santa Cruz. A equipe 4, está trabalhando na rua 7, no Jardim Novo II. O departamento de obras também está executando o reparo e a manutenção de guias e sarjetas em pontos específicos do município.

     A Secretaria de Obras possui um cronograma de trabalho e vem executando obras em praticamente todos os bairros da cidade para minimizar o problema dos buracos.

Fórum Municipal discute violência contra crianças e adolescentes a partir de quinta-feira

O I Fórum de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes focará, dentre outros temas, a prevenção contra o abuso sexual infantil

A Prefeitura Municipal de Rio Claro promove, dias 27, 28 e 29 de maio o I Fórum Municipal de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e adolescentes: Violência Sexual. O Fórum tem como finalidade principal fortalecer o enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes, por meio palestras, reflexões e discussões que levem à sensibilização da população, articulação de serviços do município, aprimoramento dos conhecimentos sobre o assunto, bem como maior divulgação dos locais em que é possível obter ajuda.

Para a secretária municipal de Ação Social, Luci Helena Wendel Ferreira, o evento acontece porque o enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes requer um trabalho articulado em rede: assistência social e demais políticas públicas, órgãos de defesa de direitos e sociedade, com centralidade nas famílias. “É preciso, sobretudo, uma grande reflexão sobre a cultura brasileira e sobre valores difundidos, para que as crianças e adolescentes sejam vistos verdadeiramente como sujeitos”.

A abertura do evento será realizada na próxima quinta-feira (27), das 19 às 21h30, no auditório da Faculdade Claretianas, com pronunciamento de autoridades, apresentação do Coral de Libras da Escola Municipal “Armando Grisi” e palestra de professora Raquel Auxiliadora dos Santos, graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR) e atual chefe de divisão de Políticas para Mulheres da Prefeitura Municipal de São Carlos.

O I Fórum de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes prossegue sexta-feira (28), no mesmo local, das 8 às 17 horas, com intervalo para almoço das 11h30 às 13 horas. No período da manhã haverá apresentação dos corais do Colégio Claretiano, do Centro Municipal de Convivência Jardim Bandeirantes, palestras com a médica Márcia Machado Borges e com o promotor da Vara da Infância e Juventude de Rio Claro Gilberto Porto de Camargo.

Na tarde de sexta-feira o Fórum prossegue palestras proferidas pela psicóloga Ana Carina Stelko Pereira (doutoranda pela UFSCar) e pela psicóloga Sabrina Mazo D’Affonseca (Mestre em Educação Especial pela UFSCar) e apresentação de dados sobre violência contra crianças e adolescentes da cidade de Rio Claro pelo Conselho Tutelar e CREAS

O encerramento está previsto para o sábado (29), das 9 às 12 horas, no Jardim Público, com panfletagem sobre o Dia Municipal da Violência Contra Crianças e Adolescentes no Jardim público, próximo ao coreto, local em que a Bateria Show da Escola de Samba Samuca se apresentará, em caráter beneficente.

O evento é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Ação Social, por intermédio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e dos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Bandeirantes, Bonsucesso/Novo Wenzel, Brasília, Independência e Panorama, em parceria com a vereadora Raquel Picelli (autora da Lei Municipal 3942), SAE DST/AIDS, Conselho Tutelar, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA, Secretaria Municipal da Educação e Fundação Municipal da Saúde, com o apoio da Ação Educacional Claretianas.

Patrocinam o evento: Instituto Carlos Hansen – Tigre, Senac, Associação dos Aposentados do Banco do Brasil de Piracicaba, Ação Educacional Claretianas, Bateria Show “Escola de Samba Samuca e Floricultura Rosas de Saron.

O Fórum é aberto a todos interessados e as inscrições podem ser feitas pelo site: www.cmdcarc.com.br

Quinta-feira tem Jazz, Bossa e MPB no Casarão da Cultura

     A primeira Noite de Jazz, Bossa e MPB da temporada 2010 do Casarão da Cultura de Rio Claro acontece nessa quinta-feira (27). O projeto está sendo retomado após o grande sucesso das apresentações do ano passado, que reuniram mensalmente grande público ávido por música de qualidade.

     O show desta quinta começa às 20h30 e é aberto ao público. Oito apresentações estão programadas para este ano, uma por mês até dezembro. Em todas, o pianista Luciano Filho levará músicos convidados para desfilar repertório variado, sempre unindo sensibilidade musical, balanço e apuro técnico.

     As Noites de Jazz, Bossa e MPB são realizadas em parceria entre a prefeitura, por intermédio da Secretaria de Cultura e Secretaria de Turismo, e Orquestra Filarmônica de Rio Claro. O apoio é do empório Cravo & Canela e Fundação Ulysses Guimarães.

Empreendimento na zona Sul de Rio Claro terá 288 moradias

    

o município de Rio Claro deu um novo passo para a concretização de um empreendimento imobiliário que incluirá 288 moradias no mapa da cidade
o município de Rio Claro deu um novo passo para a concretização de um empreendimento imobiliário que incluirá 288 moradias no mapa da cidade

 Com a assinatura de uma escritura de caução para a implantação de infraestrutura urbana, nesta segunda-feira, 24, o município de Rio Claro deu um novo passo para a concretização de um empreendimento imobiliário que incluirá 288 moradias no mapa da cidade.

     “A empresa construtora se obriga a providenciar a instalação de redes de água, de energia elétrica e para coleta de esgotos, e também guias e sarjetas, asfalto, galerias para a captação de águas e calçadas, obras orçadas em R$ 2 milhões”, informa o secretário municipal de Obras, Ivan De Domênico. Como garantia destes investimentos, a prefeitura tem 105 lotes do empreendimento, que deverá ser oficialmente lançado nas próximas semanas.

     “Além de contribuir com nossa proposta de diminuição do déficit habitacional, este empreendimento permitirá que o município ganhe uma localidade com todas as melhorias e infraestrutura”, ressalta o prefeito Du Altimari.

     Denominado Palmeiras Parque, o loteamento está localizado ao lado do bairro Jardim das Palmeiras, na região Sul de Rio Claro. “A comercialização será feita em parceira com a Caixa Econômica Federal que, por intermédio do Programa Minha Casa, MinhaVida, irá subsidiar até R$ 17 mil por unidade habitacional”, informa o secretário municipal de Habitação, Agnelo da Silva Matos Neto.

     Para que as moradias sejam construídas, o município está concedendo isenção de impostos para a Construtora GCE e auxiliando na tramitação de documentos. Em parceria com a empresa, a prefeitura irá pavimentar trecho da Estrada dos Costas, via pública de acesso ao Palmeiras Parque, que terá seus imóveis destinados às famílias com renda de três a seis salários mínimos e deverá estar concluído em 12 meses.

RC enfrenta cidade venezuelana nessa 4ª-feira no Dia do Desafio

     Rio Claro participa na quarta-feira (26) do Dia Mundial do Desafio. Iniciativa realizada em cidades de diversos países como estímulo à prática de atividades físicas, o evento que mobiliza anualmente milhões de pessoas também deve marcar a Cidade Azul neste ano.

     Para dar mais ênfase à data, o Dia do Desafio inclui disputas entre cidades pelo mundo. A idéia é estabelecer qual conseguiu mobilizar maior quantidade de pessoas na prática de exercícios físicos por pelo menos 15 minutos. Rio Claro concorre nesta edição com o município venezuelano de Los Guayos.

     Para Rio Claro fazer bonito, é preciso a colaboração de toda a comunidade. A prefeitura, por intermédio da Secretaria de Esportes, está distribuindo cartazes em academias e escolas particulares para que se organizem grupos participantes do Dia do Desafio.

     As escolas da rede pública, clubes, associações de bairro, entidades, empresas, pessoas da mesma vizinhança, todos podem participar e ajudar Rio Claro. Basta praticar na próxima quarta-feira pelo menos 15 minutos de atividades física. Valem esportes – coletivos, individuais, artes marciais, etc – ou caminhada, serviços domésticos e outros.

     É preciso registrar a quantidade de participantes e enviar o relatório de atividades físicas realizadas para a Secretaria Municipal de Esportes, até as 19h30. Os contatos devem ser feitos pelo endereço eletrônico semerioclaro@uahoo.com.br ou pelo telefone 3534-5881.

22 cidades discutiram Educação Infantil em fórum de RC

    

22 cidades discutiram Educação Infantil em fórum de RC
22 cidades discutiram Educação Infantil em fórum de RC

Representantes de 22 municípios marcaram presença no Fórum Intermunicipal da Educação Infantil, realizado no último dia 22 em Rio Claro.  Organizado pela Secretaria Municipal da Educação, o encontro teve como tema “Debatendo tensões e desafios das políticas públicas” e, segundo os realizadores, atingiu o objetivo de aguçar a reflexão sobre a educação das crianças sob o ponto de vista dos avanços científicos, tecnológicos, sociais e políticos.

 

     A professora Heloísa do Carmo, secretária municipal da Educação, ressaltou que “não se faz educação de qualidade só com boa vontade”. E acrescentou: “A Educação Infantil é um direito das crianças e não apenas uma ação governamental para atender mães que trabalham fora, como sempre se propagou”. A titular da pasta da Educação em Rio Claro lamentou que, ao longo dos anos, não se tenha investido no setor, “o que agora faz com que a demanda precise esperar mais tempo para ser atendida”.

     Além de participantes de Campinas, Limeira, Piracicaba, Araraquara, São Carlos, Araras, Jundiaí, Ibaté, Porto Ferreira, Taboão de Serra e muitos outros, o fórum de Rio Claro também trouxe profissional do Ministério da Educação. João Nelson dos Santos participou como representante do MEC em São Paulo. Pelo Legislativo rio-clarense, marcou presença o vereador Sérgio Desiderá. Com 37 anos de sala de aula como professor, Desiderá ressaltou que “nós, professores, sempre brigamos e lutamos por um mundo melhor para nossos filhos, porém, devemos pensar em criar filhos melhores para o nosso mundo”.

     A professora Regina Zucchi, que ajudou a pensar a Educação Infantil de Rio Claro nos últimos anos, foi homenageada. A educadora foi lembrada pelo grande trabalho realizado para estabelecer no município “a educação sempre a serviço da vida”.

     As iniciativas de análise e debate da Educação Infantil são tidas como essenciais principalmente tendo em vista que esse nível de ensino foi incorporado apenas recentemente aos sistemas de ensino como a primeira etapa da Educação Básica. Direito da criança, a Educação Infantil vive atualmente intenso processo de revisão das concepções e conceitos que fundamentam as práticas cotidianas nas escolas de Educação Infantil. Para ampliar essas discussões, o fórum intermunicipal de Rio Claro, realizado nas Faculdades Claretianas, teve debates em quatro mesas.

Prefeito propõe mudanças na proposta de criação de agência reguladora

Prefeito Du Altimari, o secretário executivo do Consórcio PCJ, Dalto Favero Brochi e os representantes do governo municipal, durante reunião no gabinete.
Prefeito Du Altimari, o secretário executivo do Consórcio PCJ, Dalto Favero Brochi e os representantes do governo municipal, durante reunião no gabinete.

     O prefeito Du Altimari e o superintendente do Daae de Rio Claro, Geraldo Gonçalves Pereira, se reuniram na manhã de segunda-feira, 24, com o secretário executivo do Consórcio  Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Consórcio PCJ), Dalto Fávero Brochi.

     A audiência em Rio Claro aconteceu para apresentar ao governo municipal a proposta de criação de uma entidade reguladora e fiscalizadora dos serviços de saneamento básico de âmbito regional. A comissão executiva está visitando todos os municípios que integram o consórcio PCJ para discutir com os prefeitos os estudos jurídicos e estabelecer a minuta dos convênios.

     Após ouvir a proposta do secretário executivo, o prefeito Altimari sugeriu a inclusão de uma nova cláusula na minuta do projeto, estabelecendo que somente os municípios localizados dentro da Bacia dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí, e que também façam parte do Consórcio, possam integrar a futura agência reguladora. Altimari argumentou que essa proposta tem o intuito de fortalecer ainda mais a entidade. Segundo o prefeito, a região das bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí possui cerca de 60 municípios, sendo que estes possuem grande heterogeneidade e realidades diferentes no que tange às dimensões populacionais. Cerca de 60% desses municípios possuem menos de 50 mil habitantes, além de haver diferenças nas estruturas físicas e institucionais dos serviços de saneamento.

      Dalto Favero Brochi considerou a proposta do prefeito Altimari como positiva e viável. O secretário executivo irá se reunir nessa semana e apresentar a sugestão de Rio Claro para o presidente do Consórcio e prefeito de Hortolândia, Ângelo Perugini.

     Participaram da audiência no gabinete do prefeito a procuradora jurídica do Daae, Ana Maria Casagrande; secretário de Negócios Jurídicos, Gustavo Perissinotto; o chefe de gabinete, Valtimir Ribeirão e o vereador Sérgio Desiderá.