Mutirão de combate ao Aedes estará no bairro Mãe Preta neste sábado

Neste sábado (14) a prefeitura de Rio Claro realiza mais um mutirão de combate ao Aedes aegypti, mosquito que transmite várias doenças, entre elas a dengue. O bairro atendido será o Parque Mãe Preta. Agentes do Centro de Controle de Zoonoses, vinculado à Secretaria de Saúde, com apoio do caminhão cata bagulho, da Secretaria de Meio Ambiente, farão o recolhimento de todo material inservível para evitar a reprodução do inseto.

O trabalho terá início às 8 horas. Moradores também receberão orientações dos agentes de saúde e folhetos informativos. O recolhimento dos potenciais criadouros é feito nos terrenos e residências. A Secretaria Municipal de Saúde solicita que cada morador receba os profissionais e colabore com o trabalho. Além da dengue, o Aedes aegypti transmite zika vírus e chikungunya.

Com mais de mil inscritos, Congresso de Saúde lota hotéis em Rio Claro

As principais unidades da rede hoteleira de Rio Claro estão com 100% de sua ocupação preenchida com reservas a partir da quarta-feira (18). O motivo são os 1.143 já inscritos no 32º Congresso de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo, que reunirá pela primeira vez em Rio Claro prefeitos, secretários municipais e profissionais da Saúde para participarem do evento que é um dos mais importantes do setor e será realizado até o dia 20, sexta-feira, no Claretiano Faculdade.

Os organizadores estimam que o número de inscritos pode aumentar com a proximidade do congresso. Hoteis em cidades da região também estão sendo reservados pelos inscritos.

Hoteis como Itaipu, Cristal, Class e Central Park, entre outros, são exemplo do grande movimento que a atividade já está gerando na cidade. “Estamos com 100% da ocupação programada para os dias 19 e 20 de abril, e para o primeiro dia do evento, já estamos nos aproximando dos 100%”, confirma Phillipe Bianchini, gerente do Class Hotel.
“Eventos como esse são de grande importância para movimentar a rede hoteleira da cidade e estamos muito satisfeitos”, acresenta.

Rio Claro foi escolhida entre várias cidades do Estado para sediar o maior evento dos profissionais do SUS (Sistema Único de Saúde) no Estado. A escolha se deu no ano passado pelo Cosems (Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo), que é o responsável pelo congresso.
“Além de colocar Rio Claro como destaque nas ações para melhorar a nossa Saúde Pública, o congresso movimentará a economia local de um modo inédito em Rio Claro”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “O turismo de negócios traz muitos recursos não só para a rede hoteleira, mas também para o comércio em geral, restaurantes e outros serviços”, acrescenta.
Serão três dias de discussões sobre o sistema público de saúde do estado de São Paulo, com a presença de importantes autoridades do Ministério da Saúde, da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e dos municípios paulistas. O tema central é “30 anos de SUS: SUStentabilidade para garantia do Direito à Saúde – Aumento do financiamento federal e estadual!”.

“Este é um momento crucial para as discussões sobre a saúde e o SUS e para as reivindicações por mais recursos para a área”, destaca o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco. “Esse evento também divulga positivamente Rio Claro, que é um município onde desde o ano passado a saúde passou a ser prioridade”, acrescenta.
Cursos, palestras, rodas de conversas, feira de expositores, além da 15ª Mostra de Experiências Exitosas dos Municípios e o 8º Prêmio David Capistrano fazem parte da programação do evento, que também contará com o espaço Gilson Carvalho, local de confraternizações, debates, exposições, lançamentos de livros e apresentações especiais. Dos 675 trabalhos inscritos, 165 foram selecionados pela comissão julgadora, e concorrem ao prêmio.
Outro destaque do evento será o quarto Encontro de Prefeitos, para o qual são esperados mais de 50 chefes de Poder Executivo de cidades paulistas. Este ano o encontro vai discutir a necessidade de um novo pacto federativo, devido em grande parte ao esgotamento de recursos dos municípios nos investimentos com a Saúde.

“O evento também servirá para estabelecer compromissos políticos com a preservação e o desenvolvimento do SUS”, acrescenta o presidente do Cosems/SP, Carmino Sousa, secretário municipal de Saúde de Campinas.

Inscrições e a programação completa do 32º Congresso de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo estão disponíveis no hotsite http://www.cosemssp.org.br/congresso-2018.

Espaço Mais Saúde já fez 8 mil atendimentos e zerou três filas

Com mais de oito mil pacientes atendidos, o Espaço Mais Saúde da prefeitura de Rio Claro completou seis meses de funcionamento. Neste período, foram zeradas filas para exames vasculares e consultas com otorrino e ortopedista. Alguns pacientes, como Sislene de Andrade Rosa da Silva, estavam aguardando há muito tempo por atendimento. “Foram sete anos esperando pela cirurgia vascular”, relembra. Agendada para o Mais Saúde, Sislene passou pelos dois procedimentos cirúrgicos necessários, em dezembro e janeiro. “Fui muito bem atendida, os profissionais foram atenciosos e estou muito satisfeita”, destaca.

O complexo médico-hospitalar entrou em atividade no dia 20 de setembro, como uma iniciativa inédita no interior do estado de São Paulo, para realização de consultas, exames e cirurgias de média e baixa complexidades em 18 especialidades. Nesse período, tem sido essencial para o município reduzir filas de espera no SUS. “O desafio é grande, mas os resultados até aqui nos entusiasmam a continuar lutando pela saúde e tratando o setor como prioridade em nosso governo”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

Marilice Ferreira Prado, que estava com o joelho imobilizado e precisava de cirurgia, é outra paciente que aprova o atendimento no Espaço Mais Saúde. “Os remédios que eu vinha tomando já não faziam mais efeito, mas, finalmente, tive a cirurgia realizada”, explica. “Fui muito bem atendida no Mais Saúde, da recepção ao médico, todos muito atenciosos”, conta.

Nos casos das filas já zeradas, como os exames vasculares (com 730 atendimentos até agora), e as consultas com otorrino (533) e com ortopedista (750), o atendimento no Espaço Mais Saúde continua para a demanda de pacientes do mês, sem mais longas esperas para o agendamento. No início de março o serviço também iniciou atendimento para exames de mama, com atendimento até agora de 373 mulheres.

“Além da diminuição das filas de espera, nossos esforços são para o atendimento de qualidade e um alto padrão de acolhimento”, explica o secretário de Saúde, Djair Francisco, informando que os pacientes do complexo médico-hospitalar são chamados por telefone pela Central de Regulação do SUS em Rio Claro, sob a supervisão da Secretaria Municipal de Saúde.

A orientação da prefeitura para quem ainda não foi chamado é procurar a unidade municipal de saúde pela qual foi feito o encaminhamento da consulta, exame ou cirurgia. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3522-3600.

Rio Claro conquista emendas de quase R$ 700 mil para a saúde

O município de Rio Claro deverá receber recursos da ordem de quase R$ 700 mil para investimentos na área da saúde. O valor é fruto de três emendas parlamentares apresentadas pelo deputado federal Lobbe Neto (PSDB-SP) ao orçamento geral da União em favor do município. São quase R$ 500 mil para a prefeitura e R$ 150 mil para a Santa Casa de Misericórdia.

A informação foi confirmada pelo próprio deputado que esteve em Rio Claro nesta quinta-feira (12) onde se reuniu com o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, no paço municipal. “Temos que agradecer a atenção e o apoio do deputado, em especial para a saúde. Esses recursos vão ajudar o município nos investimentos que têm sido feitos nessa área”, comenta Juninho.

O deputado destacou o trabalho realizado pelo prefeito para captação de recursos. “É um prazer poder apoiar essa reivindicação de Rio Claro feita pelo prefeito Juninho que tem feito um trabalho incansável para trazer recursos para a cidade”, declarou Lobbe Neto, lembrando que no ano passado já destinou emenda de R$ 100 mil para a Santa Casa, por meio de articulação da liderança municipal Alessandro Almeida, que também participou da reunião no paço nesta quinta-feira (12).

A emenda de R$ 216,1 mil já foi aprovada pelo Ministério da Saúde e, assim que liberados, os recursos serão utilizados para compra de equipamentos para a rede de atenção básica. Já a emenda de R$ 250 mil, que ainda está em análise, é destinada para a compra de uma ambulância. “Já entregamos toda a documentação necessária ao Ministério da Saúde e estamos aguardando a liberação dos recursos”, explica o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco.

Também participaram da reunião no paço municipal Ivan Castanho, assessor do deputado estadual Aldo Demarchi (Democratas); José Francisco Pires e Carlos Alberto Perez, assessores do deputado Lobbe Neto.

Juninho pede em Brasília que não falte vacina contra a gripe

O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, esteve nesta quarta-feira (11) no Ministério da Saúde para solicitar atenção especial ao município de Rio Claro durante a campanha nacional de vacinação contra a gripe, prevista para ser iniciada no próximo dia 23.

“Queremos a garantia de que os protocolos do Ministério da Saúde serão seguidos de maneira a garantir doses de vacina em quantia suficiente para atender todas as pessoas indicadas para a vacinação”, afirmou Juninho.

O prefeito de Rio Claro lembrou que em campanhas anteriores houve momentos de falta de vacina. “Isto não pode acontecer, todos aqueles que estiverem nos grupos definidos pelo Ministério da Saúde para receberem a vacina contra a gripe terão que ter a vacina à disposição em nossos postos de saúde”, disse.

Juninho foi recebido em Brasília pelo diretor Ricardo Gadelha e pelo assessor de Vigilância Epidemiológica, Francisco de Paula Junior, dos quais recebeu a informação que o Ministério da Saúde adquiriu 60 milhões de doses da vacina contra a gripe, sendo que 13,5 milhões serão destinadas ao estado de São Paulo.

O secretário municipal de Saúde, Djair Francisco, lembra que de acordo com o Ministério da Saúde, os grupos que podem receber a vacina gratuitamente na rede pública são: crianças de 6 meses a 5 anos incompletos; grávidas em qualquer idade gestacional; puérperas, isto é, mães que deram à luz há menos de 45 dias; idosos de 60 anos ou mais; trabalhadores de saúde; professores da rede pública e privada; portadores de doenças crônicas; povos indígenas, pessoas privadas de liberdade e funcionários dos sistema prisional. Estes grupos necessariamente devem receber a vacina da gripe.

Vacinação contra a gripe tem início previsto para o dia 23

O setor de Vigilância Epidemiológica de Rio Claro anunciou na tarde desta quarta-feira (11) que tem como meta vacinar mais de 42 mil pessoas dos chamados “grupos prioritários” na campanha nacional contra a gripe, que tem início previsto para o próximo dia 23. No ano passado, Rio Claro conseguiu superar a meta estabelecida.

Os critérios para vacinação, incluindo as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários, são definidos pelo Ministério da Saúde e seguidos pelo município durante toda a campanha de vacinação.

Equipes da Secretaria Municipal de Saúde têm feito reuniões periódicas para organizar a campanha em Rio Claro. “Temos recebido as instruções do Ministério da Saúde e, com base nisso, estruturado a campanha no município”, informa o secretário Djair Francisco. O prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, pediu atenção especial na divulgação das orientações à população, para facilitar o acesso das pessoas aos postos de vacinação e para que não haja dúvidas dos critérios de vacinação.

De acordo com o Ministério da Saúde, deverão ser vacinados os grupos prioritários formados por crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres no período de até 45 dias após o parto), trabalhadores da Saúde, professores, indígenas e idosos com 60 anos ou mais, além de pessoas privadas de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não contagiosas.

De acordo com Cláudia Passarelli, todas as unidades de saúde públicas e particulares de Rio Claro estão recebendo orientações sobre os critérios de vacinação contra a gripe.

“Esperamos cumprir e ultrapassar a meta de pessoas vacinadas em Rio Claro, para que estejam imunizadas e sem medo de contrair qualquer modalidade do vírus Influenza”, afirmou o secretário municipal de Saúde Djair Francisco.

A prevenção da gripe H1N1 segue as mesmas regras da prevenção de qualquer tipo de gripe, que incluem: evitar manter contato muito próximo com uma pessoa que esteja infectada; lavar sempre as mãos com água e sabão e evitar levar as mãos ao rosto e, principalmente, à boca; sempre que possível ter um frasco com álcool-gel para garantir que as mãos sempre estejam esterilizadas; não compartilhar utensílios de uso pessoal, como toalhas, copos, talheres e travesseiros; evitar frequentar locais fechados ou com muitas pessoas.

Adolfo Lutz confirma mortes por H1N1 em Rio Claro

Os resultados dos exames feitos pelo Instituto Adolfo Lutz de dois pacientes que faleceram no Hospital da Unimed, em decorrência de problemas respiratórios graves, deram positivo para o vírus da Influenza H1N1. A informação chegou na tarde desta terça-feira. Na segunda-feira (9), o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, fez pedido para que o Adolfo Lutz acelerasse a conclusão das análises, o que foi feito em menos de 24 horas.

Desde que foi informada sobre os dois casos, na semana passada, a Vigilância Epidemiológica de Rio Claro está tomando todas as providências que fazem parte do protocolo de ações do Ministério da Saúde para suspeitas ou confirmações de Influenza.

As ações de controle e prevenção estão sendo desenvolvidas com a supervisão do Grupo de Vigilância Epidemiológica e demais componentes da equipe estadual.

A Secretaria de Saúde de Rio Claro esclarece que não há motivo para alarme, uma vez que a cidade não vive um surto da doença. O secretário municipal de Saúde, Djair Francisco, ressalta que cuidados simples ajudam a evitar a doença, conforme orienta o Ministério da Saúde. Entre as ações recomendadas, as pessoas devem lavar as mãos várias vezes ao dia, cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar, evitar tocar o rosto, não compartilhar objetos de uso pessoal e evitar locais com aglomeração de pessoas.

No dia 23 deste mês, o Ministério da Saúde lançará campanha nacional de vacinação contra a gripe. Rio Claro já está organizada para sua participação na campanha. A Secretaria Municipal de Saúde divulgará à população os critérios e recomendações para a vacinação, conforme diretrizes do Ministério da Saúde.

Prefeito pede agilidade em resultado de exame sobre gripe

A vigilância epidemiológica estadual deverá finalizar ainda nesta semana as análises que irão indicar se a morte de um paciente semana passada no Hospital da Unimed, em Rio Claro, foi ou não causada pelo vírus influenza H1N1 ou H3N2.

A informação foi passada por Regiane de Paula, diretora do Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo, ao prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, após receber dele o pedido de maior agilidade possível na conclusão das análises, que inicialmente seriam finalizadas em 30 dias. “Nosso objetivo é tranquilizar e esclarecer a população”, afirma o prefeito.

No dia 23 deste mês, o Ministério da Saúde lançará uma campanha nacional de vacinação contra a gripe, como acontece todo o ano. De acordo com o secretário Djair Francisco, Rio Claro também estará na campanha e a secretária municipal de Saúde divulgará os critérios e as prioridades de vacinação.

Nos últimos dias, muitas especulações e até afirmações em redes sociais deram conta de que o paciente teria morrido em razão do vírus, o que até agora não se tem confirmação. As análises do Instituto Adolfo Lutz indicarão se o paciente foi ou não vítima do vírus da gripe.

Unidade de saúde de Itapé ganha reforma após anos em estado precário

A prefeitura de Rio Claro está reformando a Unidade de Saúde da Família (USF) do bairro rural de Itapé. Na segunda-feira (9) o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, visitou a obra acompanhado do secretário de Saúde, Djair Francisco. “Essa unidade é muito importante para os moradores de Itapé que, devido às condições precárias, precisavam sair do bairro para fazer consultas, exames, receber vacinas e outros atendimentos”, explica o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “Esse é mais um exemplo de que a prioridade do nosso governo é com a saúde das pessoas”, acrescenta.

Ao término da obra a equipe da rede de atenção básica volta a atender a população do distrito. “Ao todo são mais de 300 moradores cadastrados na unidade para receber o atendimento de medicina preventiva feito pela USF de Itapé”, esclarece o secretário de Saúde.

O trabalho está sendo feito pela Secretaria Municipal de Obras. O trabalho inclui implantação do forro e lâmpadas de LED em três salas e colocação de piso e revestimento nas paredes, além de adequações na rede elétrica. “A unidade sempre esteve aberta à população, mas há anos apresentava problemas em sua estrutura”, comenta o subprefeito de Itapé, Marcos do Nascimento, que acompanhou o prefeito na vistoria às obras na USF. O gerente municipal de Saúde Bucal, Paulo César de Oliveira Freitas, também esteve presente na visita à unidade.

Algumas empresas privadas doaram pisos e outros materiais de construção para a reforma da unidade. O vereador Seron, que colaborou para que esse trabalho obra esteja sendo realizado, destaca a importância da obra para toda a comunidade de Itapé.

Ao longo do ano passado, várias melhorias foram providenciadas na rede pública municipal de Saúde, visando ampliar a melhorar o atendimento. “Ao término da reforma vamos renovar os equipamentos para garantir o bom atendimento à população”, destaca o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco.

Além da conclusão de seis novas Unidades de Saúde da Família, ampliando em 30% a capacidade de atendimento na Atenção Básica, prefeitura também reativou o consultório odontológico móvel, que ficou dois anos parado, ampliou a frota de ambulâncias com mais dois veículos e conseguiu uma segunda UTI móvel para o Samu, entre outros avanços.

Consultório odontológico móvel atende em Itapé até sexta-feira

A prefeitura de Rio Claro está ampliando o acesso da população aos serviços de saúde. O consultório odontológico móvel estará atendendo em Itapé, região rural do município, até a próxima sexta-feira (13). O atendimento está sendo feito na estação do bairro onde a população pode realizar consultas e procedimentos odontológicos, como obturações, canal, entre outros.

“A descentralização do atendimento é importante para que a população que mora longe da zona urbana possa ter acesso aos serviços odontológicos sem sair de casa”, observa o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, que visitou o local nesta segunda-feira (9).

O serviço mais próximo de casa conta com aprovação dos moradores. “Moro em Itapé, trabalho em sítio, e agora estou tendo oportunidade de fazer tratamento dentário”, comenta Cristiano Aparecido de Souza.

Depois de encerrar atividades em Itapé, o consultório odontológico móvel será deslocado para Batovi, em data a ser definida. “O consultório passará por vistoria, para eventual manutenção, e higienização antes de iniciar novos atendimentos”, explica Paulo César de Oliveira Freitas, gerente geral de Saúde Bucal da Fundação Municipal de Saúde, que acompanhou o prefeito juntamente com o secretário de Saúde, Djair Francisco, e o subprefeito de Itapé, Marcos do Nascimento.

O consultório odontológico móvel foi recuperado e colocado em funcionamento pela atual administração municipal no ano passado depois de dois anos parado. Além desse serviço móvel, o atendimento odontológico à população é feito mediante agendamento em um dos três Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) ou nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Saúde da Família (USFs).